UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/08/2010 - 16h45

Exportações de celulose recuam 23% em julho, diz Bracelpa

SÃO PAULO - As exportações da indústria brasileira de celulose somaram 634 mil toneladas em julho, uma queda de 23,2% em relação ao volume de igual período do ano passado (825 mil toneladas).
Na comparação com junho, quando foram exportadas 682 mil toneladas, as vendas externas marcaram retração de 7%, informou hoje a Associação Brasileira de Celulose e Papel (Bracelpa).

Segundo a entidade, as exportações de papel cederam 4,7% na comparação anual, somando 161 mil toneladas em julho. Na contramão, as importações de papel subiram 26,6%, para 138 mil toneladas, enquanto as de celulose avançaram 5,4%, alcançando 39 mil toneladas.

De janeiro a julho, o setor de papel e celulose acumulou saldo comercial de US$ 2,859 bilhões, um acréscimo de 40,8% em relação a igual período de 2009.
O balanço ainda mostra que a produção celulose no Brasil atingiu 1,215 milhão de toneladas em julho, superando em 5,1% o volume de um ano antes (1,156 milhão de toneladas). No acumulado dos sete primeiros meses do ano, foram produzidas 8,109 milhões de toneladas de celulose, uma alta de 8,3% em relação a um ano antes.

De acordo com a Bracelpa, o consumo aparente de celulose no país cresceu 68,5% em julho, na comparação anual, somando 620 mil toneladas. Na mesma base de comparação, a demanda por papel avançou 9%, para 810 mil de toneladas.
(Eduardo Laguna | Valor)
Hospedagem: UOL Host