UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/08/2010 - 17h49

Mercadante perde 51 segundos na propaganda gratuita, informa TRE-SP

SÃO PAULO - O candidato do PT ao governo de São Paulo, Aloizio Mercadante, perdeu 51 segundos do seu tempo no horário eleitoral gratuito por ter invadido o espaço destinado às eleições proporcionais.
Conforme a decisão do juiz auxiliar da propaganda eleitoral Luís Francisco Aguilar Cortez, o corte irá acontecer nos blocos vespertino e noturno na televisão. Cortez considerou que houve nas inserções para as eleições proporcionais "desvio de foco", com predominância de mensagens relativas à sucessão estadual.

Segundo o juiz, a invasão na propaganda ficou caracterizada pela ausência de indicação de nomes ou imagens de candidatos a deputado estadual da coligação de Mercadante.
Cortez ressaltou ainda que o candidato petista abriu a propaganda destinada às eleições proporcionais, além de divulgar mensagens da campanha majoritária, com referências ao governo estadual ou suas políticas.
Por fim, o juiz alegou que a legislação veda a utilização do horário eleitoral gratuito de candidaturas proporcionais como propaganda de candidaturas majoritárias e vice-versa.

(Fernando Taquari | Valor)
Hospedagem: UOL Host