UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/08/2010 - 12h11

TSE suspende repetição de propaganda de Dilma que cita Datafolha

SÃO PAULO - O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) suspendeu a repetição da propaganda da candidata petista à Presidência, Dilma Rousseff, que cita a última pesquisa Datafolha.

O programa, veiculado ontem no horário eleitoral gratuito, foi contestado pela coligação que apoia a candidatura de José Serra (PSDB) ao Palácio do Planalto.
A ministra Nancy Andrighi lembrou que a propaganda petista não cumpriu as exigências da legislação eleitoral ao não divulgar todas as informações necessárias.

"Na divulgação de pesquisas no horário eleitoral gratuito devem ser informados, com clareza, o período de sua realização e a margem de erro, não sendo obrigatória a menção aos concorrentes, desde que o modo de apresentação dos resultados não induza o eleitor a erro quanto ao desempenho do candidato em relação aos demais", argumentou Nancy.
De acordo com o último levantamento do Datafolha, divulgada no sábado, Dilma tem 47% das intenções de voto, contra 30% de Serra.

(Fernando Taquari | Valor)
Hospedagem: UOL Host