UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

06/09/2010 - 14h30

Bolsas europeias com dados do Reino Unido e elétricas alemãs

SÃO PAULO - Os mercados europeus registraram pequenas altas nesta segunda-feira, ajudadas por um relatório que apontou crescimento na atividade industrial do Reino Unido. As ações do setor de energia foram destaque de alta por conta da notícia de que a Alemanha pretende prorrogar a vida útil de suas usinas nucleares.

Em Londres, o FTSE 100 subiu 0,20%, para 5.439 pontos; em Paris, o CAC 40 ganhou 0,34%, para 3.685 pontos; e em Frankfurt, o DAX terminou aos 6.155 pontos, com avanço de 0,33%.

As empresas de energia alemãs E.ON e RWE registraram alta de 1,9% depois que uma coalizão parlamentares em Berlim concordou em prorrogar a vida útil dos reatores nucleares do país.

As ações da BP subiram 1,3% em reação a uma reportagem do Sunday Times, de que a petroleira teria ampliado sua meta de venda de ativos, de US$ 30 bilhões para US$ 40 bilhões, para cobrir os gastos decorrentes da limpeza do petróleo derramado no Golfo do México.

No Reino Unido, um relatório do setor manufatureiro apontou crescimento da produção nas fábricas para um número recorde no trimestre, puxado pela demanda externa.

Além disso, os dados positivos sobre o mercado de trabalho americano divulgados na sexta-feira contribuíram para o clima positivo. Os Estados Unidos registraram cortes de 54 mil postos em agosto, número muito inferior à previsão do mercado, que esperava uma redução de 100 mil vagas. Hoje, os mercados americanos não abriram devido ao Feriado do Dia do Trabalho.

(Téo Takar | Valor, com agências internacionais)
Hospedagem: UOL Host