UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

13/09/2010 - 10h17

Missão do FMI e BCE visita a Grécia para avaliar condições do país

SÃO PAULO - A Grécia recebe nesta segunda-feira representantes da União Europeia, do Fundo Monetário Internacional e do Banco Central Europeu (BCE) para avaliar a evolução das condições na região após o governo grego receber parte da ajuda do Fundo e de líderes europeus. A missão vai realizar nova auditoria nas finanças gregas para determinar o pagamento de nova parcela do pacote de socorro financeiro de mais de 100 bilhões de euros.

Ontem, o premiê grego, George Papandreou, disse que o país pode sair da crise sem novas medidas de austeridade fiscal. Ele afirmou que a Grécia está no caminho para alcançar as metas de reduzir seu déficit em quase 40% neste ano. "A lógica de reestruturar a dívida seria catastrófica para a economia, para nossa credibilidade e para nosso futuro", sustentou em discurso em Tessalônica. Segundo ele, se os pagamentos da dívida forem suspensos, a Grécia poderia ir em direção de um potencial colapso do sistema bancário. "Não vamos discutir isso", sustentou o primeiro-ministro.

Assim como no fim de semana, a Grécia experimenta protestos contra cortes de salários e aposentadorias e contra as demais medidas impostos pelo governo para equilibrar as finanças públicas. Hoje, caminhoneiros resolveram fazer uma paralisação. (Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)
Hospedagem: UOL Host