UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

14/09/2010 - 08h13

IGP-M marca inflação de 0,99% na primeira medição de setembro

SÃO PAULO - O Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) avançou para 0,99% na primeira leitura de setembro. Um mês antes, registrou alta de 0,42%.

Esse movimento foi incentivado, especialmente, pelos preços no varejo, conforme levantamento da Fundação Getulio Vargas (FGV).

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), com peso de 60% no IGP-M, aumentou 1,44% na primeira prévia deste mês, seguindo acréscimo de 0,75% em mesmo período de agosto.

Os produtos agropecuários aumentaram 2,28% e os industriais, 1,17%.Dos três estágios do IPA, as Matérias-Primas Brutas se destacaram, com elevação de 3,17%.

Apesar de permanecer na casa de 3%, o avanço apurado na leitura de setembro foi menos marcado do que aquele verificado na parcial de agosto, de 3,31%.

Os itens que mais contribuíram para a trajetória de desaceleração foram minério de ferro (16,92% para 4,98%), soja em grão (6,58% para 2,60%) e pedra britada (5,62% para -2,53%).Entrando com 30% na formação do IGP-M, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) deixou deflação de 0,40% na medição inicial de agosto para incremento de 0,16% na primeira apuração deste mês.

Alimentação saiu de baixa de 1,58% para avanço de 0,01%. Vestuário também abandonou o campo negativo na prévia de agosto (-1,31%) para registrar ampliação de 0,33% no levantamento atual.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), que responde por 10% do indicador geral, subiu 0,08% na parcial de setembro, seguindo acréscimo de 0,27% um mês antes.

Tanto Materiais, equipamentos e serviços como Mão de obra marcaram 0,08% cada.No acumulado do ano, o IGP-M aumentou 7,72%.

Em 12 meses, o incremento foi de 7,60%.

(Juliana Cardoso | Valor)

Hospedagem: UOL Host