UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/09/2010 - 07h43

Bolsas asiáticas sobem após intervenção japonesa no câmbio

SÃO PAULO - Os mercados acionários da Ásia registraram ganhos nesta quarta-feira, levados pela Bolsa japonesa, que disparou mais de 2% depois que o governo do país interveio no câmbio.

O índice Nikkei 225, da Bolsa de Tóquio, fechou em alta de 2,34%, aos 9.516,56 pontos, com as ações do setor exportador reagindo à primeira interferência na moeda desde 2004. As ações da Sony e da Honda subiram 4% neste pregão, enquanto a valorização nos papéis da Toyota ultrapassou 3%.

No dia seguinte à reeleição de Naoto Kan à presidência do Partido Democrático, fator que lhe garantiu a permanência no cargo de primeiro-ministro do Japão, o governo agiu para conter a valorização do iene frente ao dólar. Pouco antes da intervenção, a moeda japonesa havia renovado sua máxima em 15 anos em relação à moeda americana.

Seguindo o movimento do mercado japonês, o índice S&P/ASX 200, da Bolsa de Sydney, subiu 0,76%, para 4.661,50 pontos. Em Seul, o índice Kospi avançou 0,48%, para 1.823,88 pontos, enquanto em Taipé, o Taiwan Taiex teve alta de 0,38%, aos 8.163,82 pontos.

Em Hong Kong, a valorização foi mais modesta, de 0,14%, com o índice Hang Seng marcando 21.725,64 pontos. Já na Bolsa de Xangai, o Shanghai Composite recuou 1,34%, para 2.652,50 pontos, com os negócios sendo pressionados pelos papéis do setor imobiliário.

(Francine De Lorenzo | Valor, com agências internacionais)

Hospedagem: UOL Host