Bolsas

Câmbio

Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://economia.uol.com.br/agronegocio/album/2014/02/20/peixes-ornamentais-movimentam-r-700-milhoes-ao-ano-no-brasil.htm
  • totalImagens: 10
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20140220134850
    • Brasil [5109];
    • Peixes [11251]; Agronegócio [63711];
Fotos

O mercado de peixes ornamentais, como as carpas coloridas ('Cyprinus carpio'), movimenta cerca de R$ 700 milhões ao ano no Brasil, segundo pesquisa da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro. Clique nas fotos acima para conhecer mais sobre as principais espécies Emilio Labrador/Flickr/Creative Commons Mais

Utilizadas em grandes aquários e lagos ornamentais, as carpas coloridas ('Cyprinus carpio') custam a partir de R$ 13, mas exemplares com cores muito intensas e manchas bem definidas podem valer até R$ 10 mil Thinkstock Mais

Na imagem, uma das carpas coloridas ('Cyprinus carpio') especiais que recebem o nome de "nishikigoi". Cada padrão de cores recebe um nome; o do peixe da foto, é "kumonryu" Associação Brasileira de Nishikigoi/Divulgação Mais

O "kinguio" ('Carassius auratus') começou a ser criado há mais de 2.500 anos na China. Os peixinhos dourados, comuns em aquários, são desta espécie, que é encontrada em diversas outras cores e formas, que definem variedades diferentes Thinkstock Mais

O tipo mais famoso de "kinguio" ('Carassius auratus') é o peixinho dourado, mas há muitas variações de cor e de formato do corpo, como o exemplar da foto, chamado de "oranda, que se caracteriza por uma massa gelatinosa na cabeça Manuel Vazquez Vidal/Uenf/Divulgação Mais

Originário da América Central, o "guppy" ou lebiste ('Poecilia reticulata') é um exemplo de peixe que não põe ovos. A fêmea incuba os ovos no abdome e os filhotes nascem já formados. Os "guppies" coloridos custam em média R$ 4 em lojas especializadas Douglas da Cruz Mattos/Divulgação Mais

Originário da região amazônica, o acará-disco ('Symphysodon discus') tem o hábito de vigiar os ovos e os filhotes e atacar agressores. Quando nascem, os filhotes se alimentam do muco que cobre o corpo dos pais. Peixes adultos custam a partir de R$ 30, mas em cores raras, como o turquesa, chegam a R$ 1.500 Manuel Vazquez Vidal/Uenf/Divulgação Mais

Presente na região-amazônica e no Centro-Oeste, o acará-bandeira ('Pterophyllum scalare') têm o hábito de vigiar seus ovos e filhotes. Ele custa de R$ 5 a R$ 30, e variedades raras ou novas saem por até R$ 240 David Falaschi/Flickr/Creative Commons Mais

Originário da Tailândia, o peixe-beta ('Betta splendens') macho faz um ninho de bolhas, usando o muco que produz na boca, e leva para lá os ovos da fêmea. Como o peixe defende seu território, dois ou mais machos não podem ser colocados no mesmo ambiente, pois entram em disputa Elisaself/Flickr/Creative Commons Mais

O peixe neon cardinal ('Paracheirodon axelrodi') costuma ser extraído de rios amazônicos, especialmente da região do município de Barcelos (AM). Na imagem, peixes cardinais nadam num rio que corta a cidade. Os preços vão de R$ 1,50 a R$ 3,50 Marlene Bergamo/Folhapress Mais

Peixes ornamentais movimentam R$ 700 milhões ao ano no Brasil

Mais álbuns de Agronegócio x

Últimos álbuns de Economia

UOL Cursos Online

Todos os cursos