De quantos pés na bunda você precisa para entender que acabou relação com empresa?

Daniela do Lago

Daniela do Lago

  • Getty Images

Seja nos relacionamentos amorosos e até mesmo nas relações de trabalho, existem sinais que indicam que realmente acabou seu período naquele lugar e que insistir não te levará a lugar nenhum.

Às vezes não queremos aceitar a realidade, afinal de contas lutamos tanto por aquela promoção na empresa, lutamos para sermos reconhecidos, respeitados, valorizados, queremos ter paciência e aguardar mais um pouquinho, pois temos esperança de que "quem espera sempre alcança".

Mas nem sempre esse ditado corresponde à verdade. Quantos "pés na bunda" você terá que levar para entender que é preciso saber colocar um ponto final e aceitar que naquela empresa as coisas não vão adiante como gostaria?

Em minha prática com treinamentos, vejo que muitos profissionais cresceram demais para suas empresas, chegaram com algumas competências e no decorrer dos anos de trabalho foram estudando, se aperfeiçoando, adquirindo novas habilidades técnicas e comportamentais. Por isso, ficaram "enormes" para suas empresas e as mesmas não têm mais condições de retribuir esse crescimento, seja na forma de remuneração, reconhecimento ou oportunidades.

Momento da decisão

Se você é um desses profissionais que sente que cresceu demais e já não cabe na estrutura de sua empresa, entenda que provavelmente eles jamais irão demitir você. Afinal de contas, é sempre muito bom ter profissionais competentes por perto. Então, meu caro, chegou o momento de você tomar uma decisão.

Não se trata de falta de visão e tampouco má vontade de sua empresa em não atender suas solicitações, simplesmente ela não conseguirá retribuir pela sua entrega. Simples assim. Você que cresceu demais e está na hora de mudar de empresa (se deseja continuar crescendo), pois sua empresa não mudará por você.

Por mais que ame trabalhar naquele lugar, sua empresa não mudará de estratégia para absorver você. Não existem lugares de diretores e presidentes para todos! E veja bem, esses cargos não representam o sucesso para todo mundo, por isso que a responsabilidade do tal planejamento de carreira é de cada profissional, e não da empresa.

Analise os sinais

Mas qual é o limite que devemos esperar ou desistir de algo? Se desistir de um objetivo, como saber se desistiu cedo demais? Se insistir, como saber se está perdendo seu precioso tempo em algo que não vai dar em nada?

É muito difícil dar respostas pragmáticas, afinal cada caso é um caso. Aqui vão alguns sinais de que você cresceu demais para sua empresa:

  • Você tem domínio pleno sobre seu trabalho, não tem novos desafios e pelo menos há mais de um ano não aprende nada de novo
  • Há mais de três anos você é referência na empresa sobre um determinado assunto ou tarefa – as pessoas te procuram para resolver seus problemas (e você resolve!), mas até o momento não assumiu nenhum cargo de liderança ou foi promovido como especialista sênior no assunto
  • Aquele aumento salarial não chega nunca! Você já comprovou que entrega mais do que suas metas exigem, já pediu um aumento salarial, mas está sendo enrolado?

Há três informações importantes que todo profissional precisa saber sobre definição do seu salário:

  • Quanto as pessoas ganham naquela empresa?
  • Quanto as outras pessoas ganham em empresas similares?
  • Quanto sua empresa ganha? (para saber se pode arcar com seu salário)

Se funcionário mostrou bom desempenho, algo além das expectativas, por que não recompensá-lo? Pode ser mesmo que sua empresa não pode pagar pelo seu novo passe no mercado.

Não tenha medo de crescer

Chega uma época em que devemos abrir mão de certas metas que tínhamos nessa empresa e concentrar nossas energias nas novas etapas, deixando de lado o que tínhamos planejado no passado. Está na hora de mudar o rumo e decidir algo diferente!

É necessário que experimentemos esses momentos de mudança. Toda atividade tem um tempo determinado, nossa responsabilidade é tomar as melhores e mais sábias decisões nesse período.

O crescimento é necessário e importante na vida de qualquer profissional. Não tenha medo de crescer e ficar enorme para sua empresa. Chega de frustração e de não alcançar seus objetivos profissionais.

Você é único capaz de identificar se ainda há chance na sua atual empresa. O mercado de trabalho é grande e existem várias empresas que atendem os diversos interesses dos profissionais em seus momentos de vida. Nos resta saber escolher a empresa certa e tomar uma decisão.

Você não precisa de nenhum "pé na bunda" para tomar as rédeas de sua carreira, mas às vezes é necessário para te empurrar para frente! Seja corajoso.

Quer saber mais sobre assuntos relacionados a comportamento no trabalho? Siga-me nas redes sociais nas quais sempre compartilho e posto conteúdo e materiais sobre temáticas de gestão de pessoas.

Instagram @danieladolago
Facebook: treinamentos Daniela do Lago

Daniela do Lago

Daniela do Lago é especialista em comportamento no trabalho, coach de carreira, mestre em administração e professora.

UOL Cursos Online

Todos os cursos