PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

A Companhia

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Após lucro recorde em 2021, o que esperar das ações do Bradesco?

Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via Getty Images
Imagem: Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via Getty Images
Conteúdo exclusivo para assinantes
Márcio Anaya

Jornalista especializado em Economia, com pós-graduação em Mercado de Capitais pela Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras (Fipecafi) – USP. Trabalhou como repórter e editor de companhias abertas por cerca de 20 anos, integrando as redações da Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Atua desde 2018 como colaborador de portais de investimento e entidades sem fins lucrativos

Colaboração para o UOL, de São Paulo

19/04/2022 09h00

Esta é uma versão online resumida da edição desta semana da newsletter A Companhia, que detalha os dados de uma empresa em destaque no mercado. Para assinar o boletim semanal e ter acesso ao conteúdo completo, clique aqui.

O Bradesco (BBDC4) é o destaque da semana na newsletter A Companhia, escolhido por Matheus Jaconeli e Bruna Sene, analistas da Nova Futura Investimentos.

Segundo Jaconeli, a instituição tem a seu favor uma grande participação no mercado brasileiro e a ampla diversificação de produtos e serviços.

"O banco apresenta fundamentos sólidos, em especial sua margem financeira, que vem subindo ao longo dos resultados apresentados", afirma o especialista.

Após encerrar 2021 com perda de 18,6%, as ações preferenciais da instituição acumulam ganho de 12% neste ano, até o dia 13 de abril.

Saiba mais sobre o Bradesco

O Bradesco é uma das maiores e mais importantes instituições financeiras do país, mesclando inovação e tradicionalismo. Fundado em 1943, foi o primeiro banco brasileiro a utilizar o internet banking, em 1995.

Apesar de ter presença no exterior, o foco é no mercado local.

A instituição possui uma ampla gama de produtos e serviços, como empréstimos e adiantamentos; cartões; consórcios, seguros; capitalização; planos de previdência; gestão de ativos; e intermediação e corretagem de valores mobiliários.

Por que as ações do Bradesco são uma oportunidade para investir?

Jaconeli avalia que, apesar de o balanço do quarto trimestre de 2021 ter mostrado números aquém do esperado, por conta do adiantamento de provisões para devedores duvidosos, a tendência é de que essa "limpeza" seja positiva para os próximos resultados - pois os possíveis impactos do avanço da inadimplência já foram registrados.

"Além disso, mesmo estando abaixo das expectativas, o Bradesco apresentou lucro líquido recorde no acumulado de 2021, atingindo R$ 26,2 bilhões [alta de 34,7% ante 2020], contribuindo para a melhor margem líquida dentre os grandes bancos", destaca o especialista.

Pontos a favor

  • Cenário macroeconômico positivo para os bancos, por conta dos juros elevados e do bom momento das contas públicas. Além disso, o avanço na inadimplência tende a afetar menos os resultados do Bradesco, dado que isso já foi provisionado no balanço anterior;
  • Banco apresenta sólida saúde financeira, com bons indicadores, como a margem líquida e o desconto de suas ações frente à maioria dos concorrentes;
  • Forte participação no mercado e crescimento da interação no meio digital, com foco em áreas de negócios, o que amplia a abrangência de clientes, personaliza serviços e reduz custos.

Pontos contra

  • Possível deterioração das contas públicas em um cenário posterior, sobretudo em 2023;
  • Risco de perder participação de mercado em seguros, em razão do efeito negativo da inflação.
  • Incertezas em relação à economia podem afetar a instituição no médio e longo prazo.

Exclusivo: Análise gráfica, avaliação de preço e perfil de investidor

Acesse a versão integral da newsletter A Companhia para ver as perspectivas da empresa no médio e longo prazo e saber para que perfil de investidor esta ação é mais indicada. Veja também se ela está barata ou cara e quais os valores de compra e venda recomendados por uma análise gráfica exclusiva.

LEIA MAIS NA NEWSLETTER

Quer mais análises de investimentos? Na newsletter, você confere outros conteúdos exclusivos sobre oportunidades na Bolsa.

Assinante UOL tem acesso a todos os conteúdos exclusivos do site, newsletters, blogs e colunas, dicas de investimentos e mais. Para assinar o boletim A Companhia e conhecer nossas outras newsletters, clique aqui.