PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Descomplique

Ainda dá tempo de acabar o ano bem financeiramente

iStock
Imagem: iStock
Júlia Mendonça

Júlia Mendonça é formada em comércio exterior pela Universidade Positivo. Atuou como planejadora financeira entre 2015 e 2018. Especialista em orientação e planejamento financeiro pessoal, é coach e consultora de finanças, pós-graduada em investimentos, finanças e banking. É influenciadora digital no nicho de finanças e investimentos em um dos maiores canais do assunto na área do Brasil.

17/11/2020 04h00

O fim do ano está chegando, as propagandas de Natal já estão aparecendo na TV, e você aí pensando: "Não há mais nada que eu possa fazer em 2020. O jeito é esperar o ano que vem e torcer para que as coisas mudem!"

Ainda é muito cedo para esse tipo de pensamento. Há tempo suficiente, sim, para fechar bem este ano e, sim, com dinheiro no bolso. Por isso hoje eu trouxe alguns conselhos para que seu ano acabe melhor.

Mais uma fonte de renda

Um belo dia você chega ao trabalho e seu chefe o chama num canto. Você vai feliz achando que é um aumento ou um trabalho diferente, mas infelizmente é uma cartinha de demissão e agora você tem 30 dias para acertar o rumo da sua vida.

Como vai se virar? Como fará para pagar as contas se você dependia totalmente desse salário? Vai trabalhar onde? Ter uma renda extra não é apenas para ter um dinheiro a mais para viajar ou ter seu lazer, mas sim uma prevenção caso surja alguma situação inesperada. Não deixe para começar ano que vem o que vai gerar mais tranquilidade financeira ainda este ano.

Melhore seus pontos fortes

Sempre ouvimos que devemos dar atenção ao que está sendo deixado para trás, melhorar todos os aspectos da vida por igual e focar nos pontos fracos. Porém isso não faz sentido. Se você é bom em alguma coisa, tem que se tornar excepcional nela e não continuar sendo meia boca em tudo.

Você não deve ignorar suas dificuldades, mas não deve focar só nisso e ficar bitolado. Entenda no que você não é tão bom assim, aceite isso e mire nos seus pontos fortes. Gaste tempo, dinheiro e energia naquilo que você já faz bem, tem aptidão, e que vai trazer resultados.

Hábitos diários

Tudo na nossa vida é feito através de hábitos. O jeito que você coloca sempre a meia direita e depois a esquerda, o arroz embaixo do feijão, o lado que começa a escovar os dentes. Tudo isso são hábitos.

Como somos moldados por eles, por que não melhorar nossos hábitos e fazer com que contribuam para nosso crescimento? Comece escolhendo uma atividade física e reserve os dias e horários da semana para isso. Escolha um livro e leia 10 páginas por dia assim que acordar e quando for dormir. Esses são alguns exemplos de hábitos que, após 21 dias, se tornarão rotina em sua vida.

Se você começar a implementar ainda hoje esses itens, mesmo que seja um pouquinho só de cada, tenho certeza de que seu ano acabará mais agradável. É mais fácil focarmos nas coisas ruins do que enxergar que ainda é possível melhorar e ter maior tranquilidade.

Descomplique: Como não deixar o dinheiro acabar com seu relacionamento

UOL Notícias

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL