PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Econoweek

Oito dicas para economizar na Black Friday 2020

Yolanda Fordelone

Yolanda Fordelone

Yolanda Fordelone é economista e jornalista, teve passagens por grandes jornais nas áreas de economia e finanças, foi professora em um curso de graduação em Economia e hoje coordena uma equipe em um aplicativo de gestão financeira. Além disso, se dedica às finanças pessoais no Econoweek.

17/11/2020 04h00

A Black Friday 2020 acontece oficialmente na última sexta-feira do mês, em 27 de novembro, mas já é um dos temas mais comentados das redes sociais. Tem gente ansiosa, tem gente chorando e para que você aproveite ao máximo a data que inaugura as compras de fim de ano, esta coluna reuniu abaixo oito dicas para fazer boas compras e economizar.

O conteúdo também pode ser visto no vídeo acima, onde eu, Yolanda Fordelone, economista do Econoweek, também mostro algumas dessas dicas na prática.

1. Pense sobre o que você precisa e o que deseja

Pouca gente pensa sobre essa diferença. Antes de sair comprando tudo, pesquise qual seria um produto que atenderia a sua necessidade, mas também reflita sobre o que iria além. Um exemplo: você pode precisar de um fone de ouvido e é isso que vai procurar, mas se achar um que seja sem fio seria melhor ainda.

Pensar sobre esta diferença te ajuda a focar no que é necessário. É nisso que você vai se concentrar para achar promoções.

2. Pesquise sobre as marcas e opções de produto

A segunda dica de economia é pesquisar sobre as marcas para você não se arrepender da compra depois ou pegar algo que não serve para a sua necessidade. Comprar errado faz você gastar duas vezes.

Se estiver procurando um celular, por exemplo, há desde aparelhos que focam em uma boa câmera até aqueles cujo destaque é a memória. Fique atento aos detalhes e marcas.

3. Confira o histórico de preços

Você pode saber quanto custa o produto hoje, mas sabe como era há um mês? Se você quer comprar algo na Black Friday, já deveria ter visto o preço antes de novembro, mas se ainda não fez isso te diversos sites que fazem isso para você, como o Comparaí.

4. Ative alerta de preços e promoções

Outro recurso interessante em qualquer momento do ano, mas sobretudo agora, é o de alerta de promoções. Você pode fazer isso diretamente no site de alguns companhias aéreas e varejistas, mas também pode colocar vários ao mesmo tempo em uma comunidade de promoções chamada Promobit. Na lista de desejos, você elenca o que quer, quanto quer pagar e quando surgir uma promoção eles te avisam.

5. Fique atento ao frete

Às vezes, a promoção é boa, oferece um bom desconto, mas o frete é tão alto que acaba saindo até mais caro que no concorrente. Não se esqueça de considerar este custo.

6. Seja flexível em datas

Se o seu objetivo for comprar passagem aérea, seja flexível para datas porque, às vezes, se você mudar poucos dias ou semanas do roteiro já consegue uma bela promoção de preços.

7. Use recursos que te dão desconto

Quando for comprar, não se esqueça de usar opções que te garantem um desconto, como programas de cashback (há um vídeo aqui explicando sobre isso) ou clubes desconto como o Prime da Amazon e o Prime Ninja da Kabum. Também sempre fique atento para ver se existe algum cupom de desconto para a loja que encontrou o produto.

8. Cheque se a promoção existe

Por fim, cheque se a promoção é verdadeira. Você pode verificar o que estão falando do site ou loja nas redes sociais da empresa ou na comunidade de ofertas Promobit, pois lá os usuários comentam sobre o produto.

Na terça-feira que vem, nossa conversa é especificamente sobre promoções: como separar as falsas das verdadeiras.

Se tiver mais alguma dica de economia deixe um comentário ou tire sua dúvida pelo nosso canal do YouTube e Instagram.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.