Bolsas

Câmbio

Bolsa cai 0,87% e tem segunda queda seguida; Natura despenca mais de 7%

Do UOL, em São Paulo

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou esta sexta-feira (9) em queda de 0,87%, a 62.210,56 pontos. É a segunda baixa seguida da Bolsa, que havia caído 0,66% na véspera. Com isso, o índice termina a semana com desvalorização acumulada de 0,48%.

A maior queda do dia foi da Natura, que despencou 7,73%, a R$ 29,94. A empresa negocia a compra da marca britânica de cosméticos The Body Shop, que pertence à francesa L'Oreal, em um negócio pode chegar a US$ 1,1 bilhão.

Os papéis da JBS caíram  2,67%, a R$ 7,28. A empresa foi alvo de nova ação da Polícia Federal nesta sexta por suspeitas de uso de informações privilegiadas em transações no mercado financeiro entre abril e maio de 2017, antes de as delações premiadas de seus executivos virem a público.

Também influenciaram a queda no dia o desempenho negativo das ações do Banco do Brasil (-1,63%), do Bradesco (-2,05%) e do Itaú Unibanco (-1,57%). Por outro lado, as ações da mineradora Vale e da Petrobras fecharam em alta. Essas empresas têm grande peso sobre o índice.

Dólar sobe 0,82%, a R$ 3,292

dólar comercial fechou em alta de 0,82%, cotado a R$ 3,292 na venda, após três quedas seguidas. Na véspera, a moeda norte-americana havia caído 0,21%. Com isso, o dólar termina a semana com valorização acumulada de 1,15%.

O mercado estava de olho no julgamento da chapa Dilma Rousseff-Michel Temer no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), que entrava em sua reta final, com expectativas de que o presidente saia vitorioso.

(Com Reuters)

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos