Bolsas

Câmbio

Bolsa fecha em alta pelo 2º dia seguido; Bradesco sobe mais de 3%

Do UOL, em São Paulo

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou esta quarta-feira (14) em alta de 0,15%, a 61.922,93 pontos. É o segundo avanço seguido da Bolsa, que havia subido 0,21% na véspera.

Entre os destaques, as ações do Bradesco ganharam 3,87%, a R$ 27,14, enquanto os papéis do Bradespar, braço de investimentos do banco privado, dispararam 5,39%, a R$ 18,18, na maior alta do dia do índice. Nesta quarta, o presidente do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, foi inocentado da acusação de corrupção pelo TRF (Tribunal Regional Federal), no âmbito da Operação Zelotes.

Os papéis do Itaú Unibanco também fecharam em alta. Por outro lado, as ações da Petrobras caíram mais de 2% e as da mineradora Vale perderam mais de 1%. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

Dólar cai 0,84%, a R$ 3,28

dólar comercial fechou em queda de 0,84%, cotado a R$ 3,28 na venda. Foi a segunda baixa seguida. Na véspera, a moeda norte-americana havia caído caído 0,1%.

Além do cenário político brasileiro, influenciou a sessão desta quarta a decisão do Fed (Federal Reserve, o banco central norte-americano) de aumentar a taxa de juros nos Estados Unidos em 0,25 ponto percentual, para a faixa entre 1% e 1,25%. O aumento já era esperado por analistas do mercado.

(Com Reuters)

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos