Bolsas

Câmbio

Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://economia.uol.com.br/empreendedorismo/album/2016/10/03/conheca-empreendedores-que-abriram-negocios-inusitados.htm
  • totalImagens: 21
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20161003232428
    • Empreendedorismo [12640]; Negócios [13097]; Economia [22373];
Fotos

O Dia do Empreendedor é comemorado no dia 5 de outubro; para celebrar a data, o UOL selecionou 20 casos de negócios inusitados; clique nas imagens acima e veja mais Arte UOL Mais

O empresário Leonardo de Matos era dono de uma confecção de roupas masculinas, mas acumulou dívidas que somavam R$ 1 milhão e faliu; para se reerguer e pagar o que ainda deve, ele investiu na "Bosta em Lata", um adubo orgânico de uso doméstico para plantas Divulgação Mais

O empresário Felipe Pedroso criou o 'colchão gourmet', produzido sob medida para cada cliente, e evitou que a Cia do Sono fechasse as portas em 2012; hoje a empresa tem 30 franquias e um faturamento de mais de R$ 15 milhões; o modelo mais caro tem até motor para reclinar e custa R$ 25 mil João Pedro Alencar/Divulgação Mais

Patrícia Strebinger é designer e fundadora da marca de sapatos Lizzy Khal, que permite alterar o salto do sapato para um tipo mais ou menos alto, além de mudar a espessura, o modelo ou o estilo; ela diz que cada uma das três lojas da rede vende cerca de 600 pares por mês, com faturamento médio mensal de R$ 150 mil cada Divulgação Mais

A loja virtual Lux Magazine, do empresário Manoel Castro, passou a investir na fabricação de cuecas com enchimento na frente e atrás em vez de revender cosméticos de outros fornecedores; acima, antes e depois do modelo com enchimento frontal, que custa a partir de R$ 25 Divulgação Mais

A Ecoreciclos é uma start-up, lançada em janeiro de 2016, que importa e vende cápsulas reutilizáveis de café feitas de aço inox; a empresária Priscila Régis diz que tem exclusividade na distribuição no Brasil e comercializa, em média, 150 kits por mês Divulgação Mais

A Matiz, empresa criada pelo casal de designers Pedro Benites e Lívia Dall'Agnol, não produz roupas exclusivas para meninos ou meninas nem nas cores rosa e azul; os empresários são defensores da igualdade de gêneros e da produção sustentável; o body de manga curta (foto) é feito com algodão orgânico e tinta à base de água e custa R$ 69,90 Divulgação Mais

O chef Fábio Mattos, de Curitiba, criou a Bapho de Dragão, pipoca caramelizada congelada a -196ºC em nitrogênio líquido (foto); a sobremesa antes era vendida só em seu restaurante, o Poco Tapas, em Curitiba (PR), mas agora é servida em eventos Divulgação Mais

A empreendedora Renata Piazera criou a Fórmula Animal, uma farmácia de manipulação pet; a empresa faz remédios em forma de biscoito com sabor picanha ou bacon, para agradar os cachorros, ou em pasta para ser passado nos pelos e ser lambido pelos gatos, além de florais de Bach; em 2015, a rede faturou R$ 1,9 milhão iStock Mais

A start-up Triciclo é dona da Retorna Machine, que coleta garrafas PET e latinhas de alumínio para reciclagem e, em troca, dá bônus na conta de energia elétrica e no Bilhete Único, em São Paulo; em menos de um ano, as 17 máquinas da empresa coletaram mais de 300 mil embalagens, totalizando cerca de quatro toneladas de garrafas PET e duas toneladas de alumínio Divulgação Mais

Ludmyla Almeida (à esq.), Harissa Bittar e Guilherme Fiorotto são sócios da Convescotes, que fornece mobiliário e decoração para piqueniques e festas ao ar livre em São Paulo; a empresa organiza eventos principalmente em praças e parques públicos, mas também faz em locais privados Divulgação Mais

A empresária Claudia Schalka criou a Ecotop, que mói e prensa tubos de pasta de dente e os transformam em placas que podem ser moldadas no formado de vários móveis como casa de cachorro (foto), mesa e cadeiras; atualmente, a empresa produz de 7.000 a 10 mil placas por mês e recebe 100 toneladas de tubos por mês Reprodução da internet Mais

Felipe Gonsalves Costa resolveu abandonar a faculdade de Direito para investir em uma escola online de pôquer; as aulas, que são ministradas por ele e por mais 13 professores, somam mais de 2.000 usuários cadastrados; segundo o empresário, o faturamento médio mensal ultrapassa R$ 50 mil Divulgação Mais

Os empreendedores Bruno Hacad (à esq.) e Conrado Ramires criaram a PegCar, que atua com o compartilhamento de veículos; a empresa começou a operar um ano depois, em São Paulo, e atualmente oferece 250 veículos e conta com 6.000 usuários Thiago Gimenes/Divulgação Mais

A empresária carioca Margot Stinglwagner, 55, fez o investimento inicial de R$ 1 milhão para começar a fabricar a Tiquira Guaaja (foto), versão premium de uma aguardente criada pelos índios no interior do Maranhão Divulgação Mais

Lívia Andrade e Higor Ferreira são sócios na empresa Zoojóias, que faz pingentes, brincos e anéis de animais domésticos e silvestres, que são banhadas a ouro ou prata reciclada de chapas de raio-X; negócio começou fazendo sucesso entre biólogos e veterinários e ganhou uma loja virtual em 2009 Divulgação Mais

A Monthal criou uma linha de pijamas para toda a família e seu pet; o kit inclui duas peças para adultos, duas infantis e uma para o bicho de estimação; a ideia partiu da empresária Eleonora Erthal que, além de buscar cativar o público apaixonado por animais, quer evitar o desperdício de tecidos; na foto, pijama de bebê (85,90) e de pet (R$ 64,90); Divulgação Mais

O Armazém VegAninha, de Curitiba (PR), tem a proposta de vender alimentos e cosméticos veganos, eliminando o plástico, não só das sacolas descartáveis, mas no próprio invólucro dos produtos; os clientes têm de levar potes de vidro ou papéis para acondicionar suas compras Reprodução/Facebook Mais

A empreendedora Sabrina Sartori (foto) abandonou a carreira na área de TI em uma empresa multinacional para investir no mercado de cosméticos; criou a Empório Sartori em Rio Claro (SP) e fabrica sabonetes e hidratantes com polpa de frutas exóticas, como sapoti, pitaia e uvaia, cultivadas na fazenda da família Divulgação Mais

A fabricante brasileira de produtos eróticos Intt aposta em uma linha gospel para vender mais; a diferença para produtos comuns é pequena: a embalagem mais discreta tem uma pomba cristã, e os aromas são mais suaves; com essas pequenas adaptações, a diretora Alessandra Seitz diz ter aumentado as vendas em 30% Divulgação Mais

A Preta Pretinha, de São Paulo, é uma loja de bonecas e bonecos de pano diferentes: negros, muçulmanos, indígenas, cadeirantes, carecas etc.; acima, Joyce Venâncio, uma das sócias Divulgação Mais

Conheça empreendedores que abriram negócios inusitados

Últimos álbuns de Economia

UOL Cursos Online

Todos os cursos