Bolsas

Câmbio

Instagram vai facilitar venda para empresas e criar tira-dúvidas de cliente

Larissa Coldibeli

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    Mariana Nunes, da La Papeterie, quer profissionalizar as vendas pelo Instagram

    Mariana Nunes, da La Papeterie, quer profissionalizar as vendas pelo Instagram

O Instagram planeja liberar a criação de perfis específicos para empresas, com recursos como botão de contato para tirar dúvidas, dados sobre o perfil de público e audiência, e a promoção de publicações, para aumentar o alcance dos posts. Por enquanto, a novidade está disponível em EUA, Austrália e Nova Zelândia, mas será liberada para o resto do mundo nos próximos meses, segundo a rede social.

A vantagem para os empresários é saber o perfil de seus consumidores. Para os clientes, abre-se um canal de comunicação e tira-dúvidas mais eficiente.

A empreendedora Mariana Nunes, da loja online La Papeterie, de itens de papelaria, é uma das que aguardam pela novidade. Ela, que recebe de 60 a 200 pedidos por mês, afirma que 30% das vendas vêm do Instagram.

"Grande parte dos clientes tem o primeiro contato com a marca por meio do Instragram. É a nossa principal fonte de divulgação", diz. Além de divulgar produtos e lançamentos, ela faz promoções, parcerias com blogueiros que também divulgam os itens, posta fotos de clientes satisfeitos e usa hashtags para alcançar novos potenciais clientes.

Vai melhorar o marketing de pequenos vendedores

Nunes já usa o Instagram para divulgação, mas a vantagem que o novo modelo dá é saber os hábitos de seu público, o que não é possível em contas pessoais.

Camila Porto, especialista em marketing para Facebook e Instragram, diz que os novos recursos para empresas ajudarão principalmente os pequenos empreendedores, que não têm recursos para pagar por ferramentas externas, como Sumall ou IconoSquare, para conhecer melhor sua audiência.

"Hoje, para conhecer o perfil dos seguidores, é necessário pagar pelo uso de outras ferramentas. Com as métricas dentro da própria rede social, será possível planejar melhor e fazer campanhas de marketing mais assertivas, com posts nos horários em que seu público está mais conectado, por exemplo."

Para a especialista, a possibilidade de impulsionar publicações e de adicionar gestores à conta corporativa, sem que seja necessário se desconectar da sua conta pessoal, também devem trazer mais agilidade para os negócios.

Para os compradores, será o fim de dúvidas sem respostas perdidas nos comentários. Um botão de contato vai facilitar a comunicação, e o vendedor escolhe como prefere ser acionado: por e-mail, mensagem direta ou telefone. 

Livraria zen não pretende aderir

Divulgação
Yuri Branco vai esperar antes de aderir

Porém, há quem desconfie da novidade. Yuri Faiani Branco, da Omnisciência Livraria e Editora, que vende livros de temas como ioga, meditação e terapias alternativas, diz que não pretende migrar para o perfil de empresa sem antes avaliar o retorno dos usuários.

"Tenho receio de que seja uma ferramenta muito dependente de anúncios pagos, como vem acontecendo com a página de empresas no Facebook. Creio que conseguimos ter um bom alcance sem anunciar", afirma.

Ele vende de 300 a 400 livros por mês e diz que entre 5% e 10% das vendas vêm do Instagram.

"Nosso principal público são mulheres com mais de 35 anos, e o Instagram é mais popular entre jovens. Nós trabalhamos com um nicho muito específico de cultura da paz, nosso público não reage bem a promoções agressivas e ostensivas, portanto, todo nosso conteúdo tem que ser muito bem trabalhado para gerar vendas", declara.

Bom conteúdo é chave do sucesso

Conteúdo de qualidade, que gere engajamento dos usuários, como curtidas e comentários, é o segredo para fazer sucesso nas redes sociais, segundo a especialista em marketing digital. As recentes mudanças na forma de entrega de conteúdo no Facebook e no Instagram levam em conta este critério, diz Camila Porto.

"As mudanças no 'feed' sempre focam na mesma coisa: conteúdo de qualidade para gerar engajamento. Quem trabalha focado nisso vai continuar tendo resultados. A ideia é privilegiar o usuário para que ele passe mais tempo na rede. O pagamento de anúncios para impulsionar as publicações vem para melhorar os resultados."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos