Contra frio, sorveteria serve cafezinho em casquinha de chocolate por R$ 12

Márcia Rodrigues

Colaboração para o UOL, em São Paulo

Para manter o movimento da sorveteria Davvero Gelato Tradizionale durante os meses mais frios, as irmãs Débora Tesoto, 38, e Suelen Ferrari, 34, começaram a vender, em abril deste ano, café servido em casquinha comestível de chocolate.

Na sorveteria, há também expresso, capuccino e chocolate quente, além de sorvetes caseiros e sobremesas como brownie e petit gateau, servidos o ano todo. O café servido em casquinha comestível de chocolate passou a ser permanente no cardápio.

Com isso, elas conseguiram manter o faturamento médio mensal de R$ 190 mil da loja do Itaim Bibi (zona oeste de São Paulo), nos meses de abril, maio, junho e julho. O valor é o mesmo conseguido, por mês, no verão (de janeiro a março). Desde abril até agora, foram vendidas cerca de 3.000 unidades do café servido na casquinha comestível.

A empresa tem outra unidade no Shopping Iguatemi, no Jardim Paulista, também na zona oeste de São Paulo, mas que não comercializa o café na casquinha de chocolate. Ferrari, no entanto, não revela o faturamento médio mensal nem o lucro dessa loja.

No ano passado, o faturamento somente da loja do Itaim Bibi girou em torno de R$ 2 milhões (faturamento médio mensal de R$ 167 mil). O lucro não foi revelado.

Débora e Suelen abandonaram a carreira de nutricionista e dentista, respectivamente, para criar a Davvero Gelato Tradizionale, em janeiro de 2015, com um investimento inicial de R$ 1,5 milhão. O dinheiro foi usado para a reforma da primeira loja (do Itaim Bibi), maquinário e pesquisa de mercado.

"Sempre gostamos de sorvete, resolvemos fazer um curso para conhecer mais o produto e vimos uma oportunidade para investir na produção de receitas caseiras", diz Ferrari. A empresária afirma que toda a produção é feita no local.

Café na casquinha custa R$ 12

O produto mais barato comercializado na loja é o café expresso (R$ 6), e os mais caros são o brownie com sorvete e o petit gateau, que custam R$ 24 cada. O brownie sem sorvete sai por R$ 13.

Confira outros preços do cardápio:

  • Café na casquinha de chocolate comestível - R$ 12
  • Chocolate quente belga com Nutella - R$ 13
  • Affogato (casquinha com chocolate belga, café e uma bola de sorvete) - R$ 13
  • Sorvete na casquinha ou no copo – R$ 12 (pequeno com até dois sabores), R$ 14 (médio com até três sabores) e R$ 16 (grande com até três sabores). Entre as 24 opções de sabores, estão pistache, chocolate, doce de leite, avelã com calda de chocolate e amêndoas com calda de pistache. Todas as casquinhas têm baunilha e calda de chocolate belga.

"Também aproveitamos a época de festas juninas para vender bolos de coco com milho e sorvetes de pé de moleque e arroz-doce", diz Ferrari. Esses produtos já saíram do cardápio.

Empresa deve manter pesquisa de mercado

Para Natalia Sirobaba, consultora do Sebrae-SP (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de São Paulo), as empresas devem investir constantemente em inovação. "Principalmente as que vendem produtos sazonais, como o sorvete, precisam apresentar um cardápio com alternativas para os seus clientes o ano todo."

Sirobaba afirma, no entanto, que é possível testar a aceitação de novos produtos, antes de colocá-los em definitivo no cardápio. "A empresa pode oferecer novos produtos que deseja acrescentar ao seu cardápio aos próprios clientes e saber de antemão se aprovam ou não".

Onde encontrar

Davvero Gelato Tradizionale - http://www.davvero.com.br/

Feira em SP tem garçom robô e produção de sorvete em forma de espaguete

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos