IPCA
0.19 Jul.2019
Topo

Empreendedorismo


Programa ajuda startup a buscar investimento e atuar em Xangai; há 20 vagas

Colaboração para o UOL, em São Paulo

31/07/2019 15h12

Startups brasileiras que querem expandir seus negócios e captar investimentos na China têm uma oportunidade de se preparar para a missão. O programa StartOut Brasil Ciclo Xangai (China) está com inscrições abertas até 26 de agosto. A inscrição é gratuita. São 20 vagas.

O formulário deve ser preenchido obrigatoriamente em inglês, de forma detalhada e apresentando dados específicos sobre a empresa e mercado alvo. O resultado será divulgado no dia 27 de setembro.

Até novembro, as empresas selecionadas passarão por um processo de preparação para a missão em Xangai, que acontecerá de 1º a 6 de dezembro.

De acordo com o Sebrae, os empreendedores terão uma agenda intensa na China, que contará com treinamento de pitch internacional, conexão com clientes, parceiros e investidores, visitas a ambientes de inovação, acesso a workshops com prestadores de serviços, reuniões com potenciais parceiros de negócios e imersão no ecossistema de inovação de Xangai.

Serão selecionadas 15 startups brasileiras que nunca participaram ou fizeram parte de apenas um ciclo do programa e até cinco startups classificadas como "graduadas", ou seja, aquelas que participaram de dois ou mais ciclos do StartOut Brasil.

O StartOut Brasil é um programa de apoio à inserção de startups brasileiras nos mais promissores ambientes de inovação do mundo. O programa já passou por Buenos Aires (Argentina), Paris (França), Berlim (Alemanha), Miami (EUA), Lisboa (Portugal), Santiago (Chile) e Toronto (Canadá).

O StartOut Brasil é realizado pelo Ministério da Economia, Ministério das Relações Exteriores, Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) e Sebrae.

Serviço:

Desafio do marshmallow ajuda a desenvolver empreendedores

UOL Notícias

Mais Empreendedorismo