Bolsas

Câmbio

Salário alto não é o mais importante no trabalho, diz estudo

Da Redação

Um forte interesse pelo trabalho e bons relacionamentos no emprego são mais importantes para os trabalhadores do que o tamanho do salário, segundo pesquisa realizada por uma empresa britânica provedora de cursos técnicos.

De mil pessoas entrevistadas pela companhia City and Guilds, 57% disseram que permanecem no atual emprego porque têm um grande interesse pelo que fazem e 56% disseram que o fazem por causa do bom relacionamento com colegas de trabalho.

Já 48% afirmaram valorizar o equilíbrio entre a vida profissional e a vida pessoal proporcionado pelo atual emprego, e 44% disseram que a razão para permanecer no mesmo trabalho é o salário.

Esteticistas e cabeleireiros estão entre os mais satisfeitos, enquanto pedreiros e bancários estão entre os mais insatisfeitos.

Motivação
A empresa que realizou a pesquisa diz que os resultados deveriam ter um impacto na maneira como os empregadores conduzem seus negócios.

"As empresas não podem mais confiar em políticas de bônus e reconhecimento que não têm impacto entre os trabalhadores", afirma o diretor da City & Guilds, Bob Coates.

Ele acrescenta que as empresas deveriam promover "a felicidade no ambiente de trabalho" para conseguir atrair e manter os melhores funcionários.

"Eles correm o risco de ter trabalhadores cada vez mais improdutivos e desmotivados e podem até mesmo perder seus funcionários para os competidores", avalia Coates.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos