Bolsas

Câmbio

Franca (SP) abriu mais vagas no 1º tri; veja 10 cidades que lideram lista

Do UOL, em São Paulo

  • Edson Silva/Folhapress

    Franca, no interior de São Paulo, é um polo de produção de calçados

    Franca, no interior de São Paulo, é um polo de produção de calçados

Franca (SP) foi a cidade brasileira que mais abriu vagas de emprego com carteira assinada no primeiro trimestre deste ano, segundo dados divulgados pelo Ministério do Trabalho.

O município, que fica a 400 km da capital paulista, registrou saldo positivo de 4.685 vagas de trabalho. A maior parte delas foi no setor de indústria, que gerou 4.395 novos postos.

Franca é um conhecido polo de produção de calçados. Das dez profissões que mais abriram vagas em Franca no primeiro trimestre, nove têm ligação direta com a linha de produção da indústria do produto.

O saldo é o resultado do número de contratações (5.084) menos o de demissões (390) que a cidade teve no período.

Resultado é influenciado pelo período do ano

O resultado positivo de Franca nos primeiros meses de 2017, porém, tem forte influência da sazonalidade da indústria calçadista, porque a produção varia ao longo do ano.

No primeiro trimestre do ano passado, o saldo também tinha sido foi positivo, com abertura de 4.902 vagas -- 4,4% a mais do que em 2017. O resultado final de 2016, porém, foi negativo, com o fechamento de 660 vagas no acumulado de janeiro a dezembro.

O setor calçadista costuma demitir bastante nos últimos meses do ano. No quarto trimestre de 2016, Franca registrou o fechamento de 6.831 vagas.

A cotação do dólar também costuma influenciar o mercado dos calçados, já que o produto é bastante exportado.

As 10 cidades que mais abriram vagas

A segunda cidade que mais abriu vagas com carteira assinada no primeiro trimestre foi Santa Cruz do Sul (RS), com 4.654 novos postos de trabalho. Assim como em Franca, a maior parte deles foi na indústria.

No caso do município gaúcho, porém, o setor tabagista foi o responsável por grande parte das novas vagas. Grandes indústrias de cigarro estão presentes lá.

Santa Cruz do Sul é outro caso em que a influência da sazonalidade tem bastante peso. No primeiro trimestre do ano passado foram abertos 5.062 postos. De janeiro a dezembro de 2016, porém, fechou 485 vagas.

Na sequência, aparece Vacaria (RS), que abriu 3.685 vagas com carteira, quase todas no setor agropecuário, principalmente na produção de frutas. No mesmo trimestre do ano passado, tinha aberto 2.746 postos, mas terminou o ano fechando 688 postos.

Confira as dez cidades que mais abriram vagas no primeiro trimestre deste ano:

  1. Franca (SP): 4.685
  2. Santa Cruz do Sul (RS): 4.654
  3. Vacaria (RS): 3.685
  4. Nova Serrana (MG): 3.307
  5. Venâncio Aires (RS): 2.819
  6. Joinville (SC): 2.559
  7. Caxias do Sul (RS): 2.127
  8. Birigui (SP): 2.120
  9. Blumenau (SC): 2.043
  10. Cristalina (GO): 1.746

 

Brasil fechou 64 mil vagas

No total, o Brasil fechou 64,4 mil vagas de emprego com carteira no primeiro trimestre. Só em março, foram 63,6 mil postos a menos. O saldo não foi pior porque em fevereiro foram criadas 35.612 vagas formais, interrompendo uma sequência de 22 meses de resultado negativo.

O resultado foi negativo no primeiro trimestre deste ano, mas a queda foi menor do que no mesmo período do ano passado, quando foram fechadas 319 mil vagas.

Os dados fazem parte Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgados mensalmente pelo Ministério do Trabalho.

O que você vai fazer com a sua aposentadoria agora?

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos