PUBLICIDADE
IPCA
0,26 Jun.2020
Topo

Não quer virar meme? Não faça isto na festa de confraternização da empresa

Do UOL, em São Paulo

10/12/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Apesar do clima mais informal, é preciso cuidado para não exagerar
  • Festa de fim de ano já foi motivo até de demissão de presidente de multinacional
  • Especialistas recomendam não faltar, e ter cuidado ao escolher a roupa
  • Evita fofocas, reclamações e piadas, bem como bajular chefe
  • Não beber demais, lembrar que não é balada, deixar paquera para outro lugar
  • Não tente fazer nada escondido e não falte ao trabalho no dia seguinte

Saber o que NÃO fazer na festa da firma pode ser mais importante do que saber o que fazer. Apesar do clima mais informal, de confraternização e descontração, é preciso ter cuidado para não exagerar. Lembre-se de que festa de fim de ano já foi motivo até de demissão de presidente de multinacional.

O UOL reuniu dez regras de ouro de especialistas em RH para você evitar passar vergonha e virar meme. Veja abaixo.

1) Não exagere na bebida

Bebida alcoólica à vontade, paga pelo patrão, pode parecer tentador, mas isso não quer dizer que o funcionário deve beber todas, sem limite. Exagerar na bebida pega mal em qualquer ambiente, e na festa da empresa é completamente condenável. Além de ser deselegante, você ainda corre o risco de desabafar falando mal do chefe, de outros funcionários ou da própria empresa.

2) Evite fofocas, reclamações, piadas

As festas de fim de ano costumam ser boas para conversar com pessoas com quem você não fala tanto no dia a dia, mas é preciso ter cuidado para não falar demais nem reclamar de tudo. É melhor evitar falar excessivamente do trabalho ou discutir tópicos controversos, como política, por exemplo. Também é recomendado evitar piadas, que podem ser mal interpretadas.

3) Cuidado ao escolher a roupa

Não confunda o "dress code" casual com roupa de balada, sexy ou, até mesmo, vulgar. Evite roupas curtas, decotadas ou salto muito alto. Se a festa for a fantasia, evite personagens polêmicos.

4) Festa da firma não é balada

Fazer duetos agarrado ao pescoço do amigo, dançar funk até o chão ou lançar olhares sensuais para o gerente é completamente vetado. A dica vale para mulheres e homens. É preciso lembrar que não é uma balada; é uma festa de confraternização profissional.

5) É ruim faltar ou ficar de mau humor

Nem sempre os funcionários gostam de participar das festas de fim de ano, mas faltar pode parecer descaso. É de bom-tom aparecer.

Se não quiser ficar muito, vá no horário em que a festa estará mais cheia. Circule bastante, cumprimente as pessoas mais importantes, seja visto e saia de fininho. Lembre-se: é uma oportunidade de se mostrar e fazer networking.

Também não vale ir e ficar de cara feia, mal-humorado, sentado sozinho num canto. Pode dar a impressão de que você tem dificuldades de trabalhar em equipe.

6) Nada de ficar bajulando o chefe

A festa da empresa não é o momento ideal para aproximar-se do chefe e cavar aquela promoção. Pode pegar mal tanto junto ao chefe como com os demais colegas de trabalho.

7) Intimidade demais

É preciso tomar cuidado com a intimidade excessiva, especialmente depois de alguns drinques. A linha entre brincadeira e inconveniência é bastante tênue, e aquele que extrapola corre o risco de ficar conhecido como "sem noção" da empresa. Evite tocar demais, falar muito ou gesticular além da conta.

8) Deixe a paquera (ou pegação) para outro dia

Ver a festa como a oportunidade de desencalhar pode ser um problema. Evite constranger algum colega de trabalho. Se pintar um clima e o casal quiser ficar junto, a recomendação dos especialistas é fazer isso fora do evento. Nem todas as empresas aceitam relacionamento entre funcionários, e isso pode virar uma dor de cabeça depois.

9) Quer fazer algo escondido?

Não adianta tentar namorar escondido em algum canto mais escuro nem esperar os chefes irem embora para avançar na bebida. Os comentários vão circular pelos corredores da empresa. Além disso, hoje em dia, qualquer ato pode ser filmado e compartilhado em segundos.

10) Não falte no dia seguinte

Não falte no dia seguinte. Mesmo que a festa seja na sexta, vá na segunda. Se cometeu algum deslize, não fique tímido ou pareça derrotado. Converse com seu superior e peça desculpas.

Empregos e carreiras