PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

Problemas para pedir seguro-desemprego? Veja como recuperar login e senha

Carteira de Trabalho digital - Ministério da Economia/Divulgação
Carteira de Trabalho digital Imagem: Ministério da Economia/Divulgação

Do UOL, em São Paulo

08/05/2020 04h00

Os impactos econômicos da pandemia de coronavírus estão sendo sentidos no mercado brasileiro, com o aumento do desemprego, levando trabalhadores a buscar o seguro-desemprego. O benefício pode ser pedido por meio do portal do governo ou aplicativo da Carteira Digital (disponíveis na App Store e Google Play).

Alguns trabalhadores, porém, têm encontrado dificuldades para fazer o pedido online. De acordo com a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, do Ministério da Economia, a maioria dos problemas relatados tem relação com o login e senha para acesso à página.

De acordo com a Secretaria, quem estiver com essa dificuldade pode acessar a página de atendimento. Nela, é preciso preencher seus dados pessoais e indicar o problema (se não consegue criar login e senha, recuperar a senha, cadastrar a senha, ou outro).

Após enviar o formulário, o trabalhador receberá por email o passo a passo para criar uma nova senha, segundo a Secretaria.

O Ministério diz que 90,2% das solicitações de seguro-desemprego foram feitas pela internet na primeira quinzena de abril. No mesmo período do ano passado, esse número era de 1,6%.

Confira abaixo algumas respostas sobre o seguro-desemprego, ou veja mais informações na página do Guia de Economia do UOL.

Quem tem direito ao seguro-desemprego?

Pode receber o seguro-desemprego o trabalhador com carteira assinada demitido sem justa causa, incluindo casos de rescisão indireta (quando o empregado "dispensa" o patrão). Empregados domésticos também têm direito.

Além desses casos, o benefício pode ser pago ao funcionário com carteira assinada que teve o contrato de trabalho suspenso para participar de curso ou programa de qualificação profissional oferecido pelo patrão; o pescador profissional durante o período do defeso (quando a pesca não é permitida, para proteger os animais) e o trabalhador resgatado da condição semelhante à de escravo.

Quando posso pedir o seguro-desemprego?

O trabalhador com carteira assinada pode pedir o seguro-desemprego entre 7 e 120 dias após a data de demissão, e o funcionário doméstico pode pedir de 7 a 90 dias após a demissão.

Onde e como pedir o seguro-desemprego?

É possível fazer o pedido do seguro-desemprego pela internet e pelo aplicativo Carteira de Trabalho Digital (disponíveis na App Store e Google Play), sem precisar comparecer a um posto de atendimento. Veja como no Guia de Economia.

Empregos e carreiras