IR 2017: Cuidado para não cair no golpe do falso e-mail sobre restituição

Téo Takar

Colaboração para o UOL, de São Paulo

Divulgação
Reprodução de e-mail que tenta se passar por mensagem da Receita, mas é golpe

Se você já entregou sua declaração de Imposto de Renda e está ansioso para receber a restituição, tome cuidado para não cair no golpe do falso e-mail. A Receita Federal alertou nesta quarta-feira (19) que esse tipo de golpe aumenta consideravelmente nessa época de entrega da declaração. O prazo para apresentar o IR 2017 termina do próximo dia 28.

Golpistas enviam e-mail aos contribuintes, utilizando o nome e logotipo da Receita como isca para obter seus dados pessoais. Portanto, evite abrir e-mails suspeitos e jamais clique em links ou baixe programas anexados nessas mensagens. A Receita Federal esclarece que não envia e-mails sem a autorização do contribuinte. 

Em uma das modalidades do golpe, a pessoa recebe um e-mail dizendo que a Receita Federal disponibilizou certa quantia de restituição do Imposto de Renda. O usuário é levado, então, a clicar em um link para acessar formulário para o resgate. Outro tipo de mensagem fraudulenta aponta a existência de pendência na declaração ou de débito em aberto.

Para saber sobre sua restituição, utilize o sistema da própria Receita

Se você quer saber como está o andamento da sua restituição, verificar pendências ou precisa de outras informações relacionadas à declaração, acesse o sistema de acesso eletrônico da Receita, o e-CAC. É preciso ter um código de acesso e senha para entrar no sistema. Vale lembrar que o calendário de pagamento das restituições deste ano começa só em junho.

 

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos