Só para assinantesAssine UOL

Mercado mantém IPCA em 4,86% pela quarta semana consecutiva; veja projeções do Boletim Focus

O mercado financeiro manteve as projeções do principal indicador de inflação, o IPCA, pela quarta semana seguida, segundo Boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (9).

O mercado espera que o indicador termine 2023 em 4,86%, mesma projeção das últimas três semanas e abaixo dos 4,93% projetados há quatro semanas.

Já a estimativa para a taxa de juros, a Selic, segue em 11,75% ao final deste ano.

De acordo com o Focus, para 2024, o mercado espera que a taxa de juros termine em 9,00%, Já para 2025, a expetativa é de que a Selic chegue a 8,5%, com manutenção da projeção para o ano seguinte, 2026.

Além disso, o mercado financeiro manteve as suas estimativas do PIB neste ano para 2,92%, as mesmas da semana passada.

No caso do dólar, o mercado financeiro aumentou a previsão para 2023 em R$ 5,00, ante R$ 4,95 na semana anterior.

Resumo do Boletim Focus

Veja, em detalhes, as projeções mais importantes para 2023 e 2024:

2023

Continua após a publicidade
  • IPCA: a projeção se manteve em 4,86%
  • PIB: a projeção se manteve em 2,92%
  • Dólar: a previsão do câmbio aumentou em R$ 5,00
  • Taxa Selic: a previsão se manteve em 11,75%
  • Balança Comercial: a expectativa para o superávit subiu para US$ 72,90 bilhões
  • Investimento Estrangeiro Direto: a previsão se manteve em US$ 80 bilhões
  • Dívida do Setor Público: a previsão aumentou para 60,50% do PIB

2024

  • IPCA: a projeção aumentou para 3,88%
  • PIB: a projeção se manteve em 1,50%
  • Dólar: a previsão do câmbio se manteve em R$ 5,02
  • Taxa Selic: a previsão se manteve para 9,00%
  • Balança Comercial: a expectativa para o superávit caiu em US$ 60,60 bilhões
  • Investimento Estrangeiro Direto: a previsão segue em US$ 80 bilhões
  • Dívida do Setor Público: a previsão segue em 63,90% do PIB

A seguir, é possível comparar as últimas projeções do Boletim Focus desde o mês de agosto:

O Boletim Focus é elaborado semanalmente pelo Banco Central. São utilizadas as projeções dos especialistas das 100 principais instituições ligadas ao mercado financeiro do Brasil para juros, IPCA, câmbio, Selic e outros indicadores.

Este material foi elaborado exclusivamente pelo Suno Notícias (sem nenhuma participação do Grupo UOL) e tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar decisão de investimento, não constituindo nenhum tipo de oferta de valor mobiliário ou promessa de retorno financeiro e/ou isenção de risco. Os valores mobiliários discutidos neste material podem não ser adequados para todos os perfis de investidores que, antes de qualquer decisão, deverão realizar o processo de suitability para a identificação dos produtos adequados ao seu perfil de risco. Os investidores que desejem adquirir ou negociar os valores mobiliários cobertos por este material devem obter informações pertinentes para formar a sua própria decisão de investimento. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Os desempenhos anteriores não são indicativos de resultados futuros.

Deixe seu comentário

Só para assinantes