PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Juros na Europa e brasileiros nos EUA: 6 temas que podem impactar a Bolsa

Exclusivo para assinantes UOL

Carol Paiffer

Colaboração para o UOL, em São Paulo

26/11/2020 08h00

Confira no Café com Mercado desta quinta-feira (26) 6 assuntos em que os investidores da Bolsa devem ficar de olho hoje.

1) EUA podem liberar entrada de brasileiros

A Casa Branca está considerando suspender as restrições de entrada nos EUA para brasileiros e cidadãos do Reino Unido, Irlanda e de outros 26 países europeus.

A notícia impactou as ações das companhias aéreas e de turismo, com destaque para CVC Brasil (CVCB3) cujos papéis subiram 9,79% nesta quarta-feira (25).

2) Juros na zona do euro

Às 9h30 de hoje (26) será divulgada a taxa de juros da zona do euro. A decisão afeta diretamente as tomadas de decisões de investidores estrangeiros, que buscam os melhores juros para aplicar.

3) Investidores estrangeiros voltam ao Brasil

Os investidores estrangeiros estão gradualmente retornando ao Brasil. Apenas nos primeiros 20 dias de novembro, a entrada foi de US$ 6,134 bilhões, enquanto nos dez primeiros meses de 2020 o país acumulava uma saída de mais de US$ 20 bilhões de capital estrangeiro.

Muitas ações no Brasil ainda têm preços atrativos para o investidor estrangeiro, o que é benéfico para a Bolsa nesse momento.

4) Bolsa nos EUA fechada

Hoje (26) os mercados estarão fechados nos EUA devido ao feriado do Dia de Ação de Graças. Isso pode gerar cautela entre investidores, após altas históricas dos últimos dias.

5) Petrobras eleva preços do diesel e gasolina

Petrobras (PETR4) anunciou às distribuidoras que vai aumentar a gasolina em 4% e o diesel em 5% a partir de hoje (26) nas suas refinarias. O diesel marítimo será ajustado em 5,4%.

O aumento do preço do petróleo eleva a margem de lucro da empresa e cria um cenário otimista para hoje e para os próximos dias. Isso ajuda a manter a valorização das ações dos últimos dias e abre espaço para a continuação do movimento.

6) Mercado de trabalho nos EUA desacelera

Pela primeira vez, o número de norte-americanos que entraram com pedidos de seguro-desemprego aumentou ainda mais na semana passada. A informação sugere que uma explosão de novos casos de covid-19 e restrições comerciais estão impulsionando as dispensas e minando a recuperação do mercado de trabalho.

Para quem opera o mercado de futuros (dólar), a notícia impactou o dólar de forma negativa e deve continuar refletindo desta maneira caso o cenário não melhore nos próximos dias.

Fique de olho

De acordo com a casa de análise Recomenda Ações, o investidor deve ficar de olho na companhia Randon (RAPT4), devido ao resultado trimestral divulgado e também ao comportamento do preço de suas ações nos últimos dias. A combinação desses fatores coloca a companhia num patamar confortável para o investidor que busca oportunidade no curto e médio prazo.

O programa Café com Mercado é apresentado pela fundadora e presidente da Atom S.A., Carol Paiffer.

Conheça os recursos do serviço de orientação financeira UOL Economia+, para quem quer investir melhor.

Entre no grupo UOL Economia+ e receba notícias de investimento no WhatsApp.

Tem alguma dúvida ou sugestão? Fale com a gente: uoleconomiafinancas@uol.com.br

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.