PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Por que o pagamento de dividendos pode fazer as ações caírem?

Exclusivo para assinantes UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

28/05/2021 04h00

Um fato intriga alguns investidores: por que a distribuição de resultados pode fazer o preço das ações de uma empresa cair na Bolsa? A dúvida foi respondida no Papo com Especialista, programa semanal e ao vivo do UOL Economia+.

O economista César Esperandio explicou que a oscilação do preço de uma ação é uma característica típica deste tipo de investimento. Mas há, sim, uma explicação para a queda no preço da ação, após a empresa divulgar bons números em seu resultado trimestral e distribuir dividendos. Entenda o fato no vídeo abaixo.

O Papo com Especialista é transmitido sempre às quartas-feiras, das 12h30 às 13h30, na página inicial do UOL e do UOL Economia+. O programa é exclusivo para assinantes e, após a transmissão ao vivo, fica disponível para consulta.

Com distribuição, valor da ação é corrigido

Esperandio explicou que para calcular o valor da ação, é feita uma análise para saber quanto vale a empresa. Após a distribuição de dividendos da companhia, é comum, disse Esperandio, que o preço das ações seja corrigido também.

Ele deu um exemplo: uma empresa vale R$ 1 bilhão e tem lucro de R$ 1 milhão no período. "O lucro apurado num determinado período faz parte do patrimônio da empresa", disse.

Ao distribuir esse R$ 1 milhão aos acionistas, a empresa deixa de valer R$ 1 bilhão; passa a valer R$ 999 milhões. "A partir daí, o preço da ação é corrigido. Como cada ação é uma fração da empresa, se a companhia passa a valer menos, essa ação passa a valer proporcionalmente menos também", explicou.

Esperandio disse, no entanto, que outros fatores —como uma notícia que impacta diretamente de forma positiva a empresa— podem fazer o preço das ações subir, mesmo após essa distribuição de lucro.

"Mas em tese é: teve distribuição de resultado, saiu do caixa da empresa, reduziu seu patrimônio e, por isso, ela vale um pouco menos, e o preço das ações é reajustado para baixo", afirmou ele, que é também do canal Econoweek.

Quer investir melhor? Receba dicas em seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido?

O UOL Economia+ tem uma newsletter gratuita que o ajuda nesse objetivo. Ao assinar, você recebe todos os dias, antes da abertura da Bolsa, uma análise do mercado feita pelo analista Felipe Bevilacqua, da casa Levante Ideias de Investimentos. Com essa newsletter, você vai aprender a investir e entender o que está acontecendo com o mercado.

Além da newsletter diária, você também recebe, semanalmente, uma análise sobre investimentos, com dicas sobre como aplicar melhor e com segurança seu dinheiro. Para assinar a newsletter gratuita do UOL Economia+, é só clicar aqui.

Tem dúvidas sobre ações, fundos e outros investimentos da Bolsa? Envia sua pergunta para duvidasparceiro@uol.com.br.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.