PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Juros no Brasil e nos EUA podem movimentar a Bolsa nesta semana

Exclusivo para assinantes UOL

Carol Paiffer

Colaboração para o UOL, em São Paulo

14/06/2021 04h00

Acompanhe no Café com Mercado, do UOL Economia+, quatro assuntos que podem movimentar a Bolsa nesta semana e uma ação para ficar de olho.

1) Juros no Brasil - Na quarta-feira (16) acontece o segundo dia da reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), do Banco Central, que define a taxa básica de juros do país, a Selic.

A expectativa do mercado é de que a inflação ainda alta force um aumento da taxa para 4,25% ao ano. Hoje, a Selic está em 3,5% ao ano.

A definição da nova taxa mexe com as expectativas do mercado e direciona os investimentos, principalmente os de renda fixa.

2) Juros nos EUA - Além do Brasil, o Fed (Banco Central norte-americano) também divulgará na quarta-feira (16) a taxa básica de juros do país. A expectativa do mercado é para uma elevação dos juros, que hoje estão entre 0% e 0,25%.

O dado é um dos mais esperados pelo mercado global. Com um possível aumento dos juros nos EUA, pode haver uma fuga de capital estrangeiro de países emergentes, como o Brasil. Por isso, a divulgação deve ter forte impacto na Bolsa brasileira.

Devido ao anúncio da taxa de juros tanto lá como aqui, a quarta-feira desta semana é conhecida como "super quarta" pelos investidores.

3) Focus - Como acontece toda segunda-feira, o Banco Central divulga o Boletim Focus. O relatório apresenta as perspectivas do mercado financeiro sobre indicadores importantes para a economia, como a taxa básica de juros, a evolução do PIB, inflação e câmbio.

O relatório é utilizado pelos investidores como base para a tomada de decisão sobre seus investimentos e, por isso, pode afetar o mercado hoje (14).

4) Prévia do PIB - O Banco Central também divulga nesta segunda (14) a prévia do PIB brasileiro, o IBC-Br. O indicador mede a atividade econômica do país e é utilizado para a elaboração da política monetária.

Como o PIB do primeiro trimestre surpreendeu os investidores na última semana, o dado pode também mexer com os ânimos do mercado.

Fique de Olho

A casa de análises Recomenda Ações traz para o Fique de Olho de hoje a companhia B3 (B3SA3), a Bolsa de Valores brasileira.

Após fortes quedas com anúncio de uma possível segunda Bolsa no Brasil e falhas sistêmicas ocorridas na última sexta-feira (11), o preço de suas ações está bem abaixo do preço justo —ou seja, o preço que as ações realmente valem.

Segundo os analistas da Recomenda, o preço atual não reflete as projeções para a empresa, e isso traz oportunidades para os investidores de curto prazo.

O programa Café com Mercado é apresentado pela fundadora e presidente da Atom S.A., Carol Paiffer.

Conheça os recursos do serviço de orientação financeira UOL Economia+, para quem quer investir melhor.

Entre no grupo UOL Economia+ e receba notícias de investimento no WhatsApp.

Tem alguma dúvida ou sugestão? Fale com a gente: uoleconomiafinancas@uol.com.br

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.