PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Qual aplicação rende mais em 3 anos? Opção é conservadora, diz economista

Conteúdo exclusivo para assinantes

Colaboração para o UOL, em São Paulo

02/11/2021 04h00

Você quer investir e resgatar o seu investimento em até três anos? Qual aplicação rende mais nesse prazo? No Papo com Especialista, programa semanal e ao vivo do UOL, o economista César Esperandio afirmou que a melhor estratégia para curto prazo é investir na renda fixa.

"Se partir para a renda variável, você corre o risco de estar em prejuízo bem na data que você vai usar o dinheiro", disse. Leia a explicação dele e assista abaixo ao trecho do programa do dia 14 de outubro. O Papo com Especialista é um tira-dúvidas sobre investimentos exclusivo para assinantes e é transmitido quinzenalmente, às quintas-feiras, às 15h.

Tesouro Direto e títulos da renda fixa privada

Esperandio recomendou que, antes de investir, você deve conhecer o seu perfil de tolerância a risco e ter uma estratégia. Além disso, afirmou, o ideal é que sua reserva de emergência esteja montada. O valor total da reserva deve ser de seis a 12 meses dos seu gasto médio mensal.

Considerando investimentos que podem dar a melhor rentabilidade em três anos, o economista afirmou que o caminho está na renda fixa pública e privada, por causa do prazo, considerado curto para o mundo dos investimentos.

Na renda fixa pública, a opção é o Tesouro Direto. Na plataforma do Tesouro, estas são as melhores opções de títulos para esse prazo, segundo o economista:

  • Tesouro Prefixado 2024: paga 11,77% ao ano (rentabilidade do dia 27/10).
  • Tesouro Selic 2024: paga a taxa Selic, mais um bônus de 0,12% ao ano (rentabilidade do dia 27/10).

Na renda fixa privada, um título pinçado na plataforma App Renda Fixa foi uma debênture da Concessão Metroviária do Rio de Janeiro: paga IPCA mais um bônus de 6,55% ao ano. Esta é uma debênture incentiva, sem incidência de Imposto de Renda.

"Esse é um tipo de investimento híbrido, que conta com um componente prefixado [bônus] e um pós-fixado [inflação]", afirmou Esperandio, que também é do canal Econoweek.

A inflação acumulada nos últimos 12 meses está em 10,25%. "Portanto, esse investimento estaria rendendo hoje 16,80% ao ano. Uma rentabilidade para ninguém botar defeito", disse.

Se considerar apenas os investimentos prefixados da renda fixa privada, um dos títulos encontrados para aplicação com resgate em até três anos foi um CDB do banco Master, com rendimento de 13,56% ao ano.

"Ele conta com a proteção do FGC [Fundo Garantidor de Créditos]; a debênture não conta. Tudo isso tem de ser colocado na ponta do lápis", disse.

Vale ressaltar que as condições de investimentos citadas no vídeo são referentes ao dia 14 de outubro. No texto, os valores foram atualizados considerando os rendimentos do dia 27 de outubro. Lembrando que os investimentos citados são exemplos e que as taxas podem variar de um dia para o outro.

Papo com Especialista é quinzenal

O programa Papo com Especialista é transmitido quinzenalmente, às quintas-feiras, das 15h às 16h, na página inicial do UOL, no UOL Economia e na página de Investimentos, e é exclusivo para assinantes. Reveja programas anteriores aqui.

Você pode enviar perguntas ao Papo pelo e-mail uoleconomiafinancas@uol.com.br —elas podem ser respondidas no programa.

Quer investir melhor? Receba dicas em seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido?

A página de investimentos do UOL tem uma newsletter gratuita que o ajuda nesse objetivo. Ao assinar, você recebe todos os dias, antes da abertura da Bolsa, uma análise do mercado feita pelo analista Felipe Bevilacqua, da casa Levante Ideias de Investimentos. Com essa newsletter, você vai aprender a investir e entender o que está acontecendo com o mercado.

Além da newsletter diária, você também recebe, semanalmente, uma análise sobre investimentos, com dicas sobre como aplicar melhor e com segurança seu dinheiro. Para assinar a newsletter gratuita de investimentos do UOL, é só clicar aqui.

Tem dúvidas sobre ações, fundos e outros investimentos da Bolsa? Envia sua pergunta para duvidasparceiro@uol.com.br.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.

PUBLICIDADE