PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Com instabilidade na Bolsa, onde investir? Corretora ajusta carteira

Com instabilidade nos mercados, confira nova carteira recomendada de corretora - Amanda Perobelli/Reuters
Com instabilidade nos mercados, confira nova carteira recomendada de corretora Imagem: Amanda Perobelli/Reuters
Conteúdo exclusivo para assinantes

Lílian Cunha

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/06/2022 11h47

Depois de uma semana que não foi boa para a maioria dos investidores da Bolsa de Valores, a Mycap substituiu quatro ações de sua carteira semanal, voltada para quem quer rendimentos no curto prazo.

Veja abaixo quais ações compõem a carteira para esta semana, em material exclusivo para assinantes.

Na semana anterior, a carteira desvalorizou 5,38% enquanto o índice Ibovespa teve desempenho negativo de 5,36%. O destaque positivo na carteira, foram os papéis da Equatorial Energia, com alta de 1,34%. O pior desempenho foi o da fabricante de plásticos Braskem (BRKM5), que despencou 13,8%.

Por isso, a Mycap decidiu tirar quatro ações da carteira. Saíram Braskem, Vale (VALE3), Mahle Metal Leve (LEVE3) e Petrobras (PETR4). A única que permaneceu foi a distribuidora de energia para estados do Norte e Nordeste.

A escolha das ações é feita conforme a análise de gráficos. Para Copasa, por exemplo, a escolha foi feita porque o papel segue com chance de valorização, e estimativa de preço alvo de até R$ 12,90. Hoje está em R$ 11,86.

Os preços estimados para Localiza são de até R$ 53 (hoje em R$ 50,11). O preço alvo para Porto Seguro é de R$ 19,60 (atualmente em R$ 18,64). Equatorial pode passar dos atuais R$ 23,95 para R$ 25,25. E Banco do Brasil, segundo a Mycap, pode ir dos atuais R$ 34,19 para R$ 36.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.