PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Empresas de carnes sobem, impulsionadas por alta de 5% de Minerva Foods

Gado: empresas de carne sobem na Bolsa - Getty Images
Gado: empresas de carne sobem na Bolsa Imagem: Getty Images
Conteúdo exclusivo para assinantes

Lílian Cunha

Colaboração para o UOL, em São Paulo

22/06/2022 13h37

Liderando os ganhos dessa primeira metade do pregão, as ações da processadora de carnes Minerva Foods (BEEF3) tinham, às 13h, valorização de 5,5%, sendo compradas por R$ R$ 13,43. Outras empresas do setor, como a BRF (BRFS3), seguiam a mesma tendência de alta, subindo 5,13%, para R$ 13,11.

"Acreditamos que os investidores estão buscando oportunidades em ações descontadas e que tenham um cenário de recuperação à frente", diz Regis Chinchila, analista da Terra Investimentos. Veja análise a seguir.

Minerva, BRF, Marfrig (MRFG3) e JBS (JBSS3), segundo ele, são empresas que estão em processo de recuperação da demanda interna e também das exportações para os Estados Unidos e China. E isso estaria atraindo os investidores.

"A alta também pode estar acontecendo por alguém que esteja antecipando alguma notícia boa para o setor", diz Gabriel Meira, especialista da Valor Investimentos.

E vale a pena comprar Minerva agora?

Para o BTG, a Minerva tem vários riscos: sanções de países importadores, restrição de demanda por doenças animais e imposição de tarifas de alguns países. Mesmo assim, a empresa é uma boa compra. O banco acredita que a ação pode chegar a R$ 20 em 12 meses.

Líder na exportação de carne bovina na América do Sul, a Minerva também tem recomendação de compra pelo Banco Safra. "A demanda global ainda forte por carne bovina, a diversificação da empresa nos principais países produtores da América do Sul são sólidos prós para a companhia", divulgou o banco, em documento para investidores.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.