Topo

Crédito ao consumo sobe nos EUA em dezembro

05/02/2016 20h16

Washington, 5 Fev 2016 (AFP) - O aumento do crédito para o consumo nos Estados Unidos se acelerou em dezembro, alavancado, principalmente, pelos empréstimos não renováveis - de acordo com os dados divulgados nesta sexta-feira pelo Federal Federal (Fed).

Os créditos ao consumo em circulação alcançaram 3,5 bilhões de dólares, uma melhora de 7,2% em um mês em termos anuais. Isso representa cerca de US$ 21,3 bilhões em novos empréstimos em dezembro, enquanto os analistas esperavam US$ 16,5 bilhões.

Se, em novembro passado, os americanos estavam menos propensos a fazer novos empréstimos de consumo convencionais, no último mês do ano, endividaram-se em peso.

Estes empréstimos não renováveis aumentaram 7,1% em dezembro. Isso representa US$ 15,4 milhões de novos empréstimos e um total de US$ 2,6 bilhões. Essa categoria inclui empréstimos para automóveis e créditos estudantis, por exemplo, e constitui dois terços dos créditos de consumo.

Mais Economia