Topo

Perigosa mosca asiática é erradicada na Flórida

17/02/2016 14h44

Miami, 17 Fev 2016 (AFP) - A mosca oriental da fruta, cuja aparição gerou uma quarentena pelo temor de que causaria estragos na importante indústria agrícola da Flórida, foi erradicada do estado norte-americano - informaram as autoridades nesta quarta-feira.

"Em setembro, declarei o estado de emergência agrícola para combater a praga da mosca oriental da fruta no condado de Miami-Dade. Esta pequena mosca é uma das pestes mais destrutivas do planeta, mas conseguimos erradicá-la", afirmou em comunicado Adam Putnam, ministro da Agricultura da Flórida (sudeste dos Estados Unidos).

As autoridades conseguiram conter a mosca (Bactrocera dorsalis), um pequeno inseto de apenas um centímetro e que pode percorrer grandes distâncias para se alimentar de centenas de tipos de plantas, numa zona em quarentena de 250 km2 e eliminá-la em menos de seis meses, comemoraram as autoridades.

Os especialistas atuaram rapidamente diante do temor de que esta nova espécie, originaria da Ásia, causaria graves danos à indústria agrícola do condado de Miami-Dade, que produz 1,6 bilhão de dólares ao ano, ou até de se expandir para o restante do estado.

Embora tenha sido declarada como erradicada, o ministério da agricultura continuará controlando mais de 56.000 armadilhas colocadas ao redor da Flórida para detectar qualquer possível nova aparição da mosca.

A mosca oriental da fruta se uniu à longa lista de espécies invasivas que chegaram ao estado da Flórida, entre elas as pítons birmanesas, o caracol gigante da África ou o lagarto tegu da Argentina, que tiveram um impacto negativo no ecossistema natural.

Mais Economia