PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Ex-chefe da Volkswagen recebeu e-mails sobre carros adulterados

03/03/2016 11h55

Berlim, 3 Mar 2016 (AFP) - A Volkswagen revelou que seu ex-presidente Martin Winterkorn recebeu em maio de 2014, mais de um ano antes da explosão do escândalo dos motores adulterados, um relatório que o deixava ciente das suspeitas sobre o caso, embora não se saiba se ele leu o documento.

A empresa, considerada até este momento como um modelo de virtudes da indústria alemã, também afirma, em um comunicado emitido na noite de quarta-feira, que nenhum de seus diretores pode ter tomado consciência da dimensão do caso até as revelações que o trouxeram à tona em setembro de 2015.

A Volkswagen (VW), que estava em vias de se tornar a primeira fabricante mundial de automóveis, admitiu ter adulterado 11 milhões de veículos a diesel no mundo, com o objetivo de burlar as medições de suas emissões poluentes.

spm/hmn/jh/js/dmc/ma

VOLKSWAGEN