PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Fed mantém juros e reduz projeção de crescimento dos EUA

16/03/2016 16h16

Washington, 16 Mar 2016 (AFP) - Os membros do Federal Reserve (Fed, banco central) dos Estados Unidos mantiveram inalterada a taxa de juros, nesta quarta-feira, que se encontra atualmente entre 0,25% e 0,50%. A instituição também reduziu a projeção média dos juros para o final do ano.

A maioria do Comitê de Política Monetária (FOMC) considera que a taxa de juros será de 0,9% no final de 2016 ao invés do 1,4% de sua projeção divulgada em dezembro. Isso corresponderá somente a dois aumentos dos juros, enquanto a previsão anterior era de quatro altas.

Um membro do Comitê votou pela elevação da taxa básica. Outros nove membros consideraram que ela será de 0,9% ao final de 2016 em vez de 1,4% projeção divulgada em dezembro. Apenas um integrante considerou que cairá mais do que isso. Três membros a estimaram em 1,125% e quatro, em 1,375%. Isso indica uma certa divisão no interior do Fed.

O Fed apontou ainda uma aceleração da inflação nos últimos meses, embora continua abaixo da meta de 2% do Comitê. O mercado de trabalho se fortaleceu, com "sólidos ganhos", segundo a instituição.

Para o banco central americano, a economia dos Estados Unidos segue seu crescimento "a um ritmo moderado apesar dos acontecimentos econômicos e financeiros internacionais dos últimos meses".

Essas previsões, muito estudadas e aguardadas pelos mercados são difíceis de interpretar.

O Fed também reduziu sua projeção para o crescimento econômico dos EUA para este ano e para 2017.

O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos deve aumentar 2,2% ao ano no último trimestre de 2016, ou seja 0,2 ponto a menos do que se esperava há três meses, de acordo com as novas projeções divulgadas pelo FOMC.