UE bloqueia venda da operadora britânica O2 para a Hutchison

Bruxelas, 11 Mai 2016 (AFP) - A Comissão Europeia anunciou nesta quarta-feira o bloqueio da compra pela Hutchison Whampoa, de Hong Kong, da operadora britânica de telefonia móvel O2, que pertence à espanhola Telefónica, por temer que a concorrência no mercado britânico se veja "significativamente reduzida", uma operação de EUR 14 bilhões.

"Queremos que o setor das telecomunicações móveis seja competitivo (...) permitir que a Hutchison compre a O2 nas condições propostas teria sido prejudicial para os consumidores do Reino Unido e para o setor", disse Margrethe Vestager, comissária europeia de Concorrência.

A operação teria eliminado "um competidor importante" do mercado de comunicações móveis no Reino Unido "deixando apenas dois operadores de redes móveis, Vodafone e Everything Everywhere (EE) da BT, para enfrentar a empresa da fusão", explicou Vestager.

A operação teria provocado a fusão da O2, número dois da telefonia móvel no Reino Unido, com Three UK, número quatro do setor, controlada pela Hutchison, o que resultaria na empresa líder do setor no país.

As contrapartidas propostas pela Hutchison para superar as objeções não convenceram a Comissão Europeia.

Controlada pelo magnata Li Ka-Shing, um dos homens mais ricos da Ásia, a Hutchison Whampoa anunciou em janeiro de 2015 a aquisição do grupo rival O2.

A Telefónica contava com a venda, de 14 bilhões de euros, para começar a reduzir sua dívida líquida de mais de 50 bilhões de euros no fim de março.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos