Bolsas

Câmbio

Volkswagen anuncia queda de 20,1% no lucro líquido no 1º trimestre

Frankfurt am Main, 31 Mai 2016 (AFP) - A montadora alemã Volkswagen, abalada pelo escândalo de manipulação de emissões de poluentes, anunciou nesta sexta-feira um lucro líquido em baixa de 20,1% no primeiro trimestre.

Durante os três primeiros meses do ano, o grupo que possui 12 marcas (Volkswagen, Seat, Audi, Porsche, Skoda, entre outras) registrou um lucro líquido atribuído de 2,306 bilhões de euros, 20,1% menos que no mesmo período em 2015, revela o balanço financeiro da empresa.

Analistas esperavam uma queda um pouco menos expressiva, a 2,42 bilhões de euros.

O CEO da Volkswagen, Matthias Müller, afirma em um comunicado que os resultados são "respeitáveis", dado o escândalo que continua abalando a montadora alemã desde setembro do ano passado, quando foi revelado que milhões de veículos com motores a diesel do grupo foram manipulados para apresentar resultados menos poluentes do que os índices reais.

As vendas da Volkswagen caíram 1,2% no primeiro trimestre e totalizaram 2,57 milhões de veículos, enquanto o faturamento registrou queda de 3%, a 51 bilhões de euros.

O grupo confirmou as previsões para o conjunto de 2016, ano em que projeta uma queda de até 5% em seu volume de negócios.

Em 2015, a Volkswagen registrou perda líquida de 1,6 bilhão de euros, a primeira em 20 anos, fragilizada por mais de 16 bilhões de provisões destinadas a fazer frente aos gastos derivados do escândalo conhecido como "dieselgate".

esp/fp

VOLKSWAGEN

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos