EUA faz recall de 500.000 patinetes elétricos por risco de incêndio

Washington, 6 Jul 2016 (AFP) - As autoridades americanas anunciaram nesta quarta-feira o recall de mais de meio milhão de patinetes elétricos, após terem sido registrados dezenas de incidentes nos quais os veículos pessoais de duas rodas pegaram fogo.

A agência americana de proteção ao consumidor (CPSC) disse que as baterias de lítio-íon em patinetes, cuja popularidade aumentou no país no ano passado, podem superaquecer, com risco do produto pegar fogo ou até mesmo explodir.

A CPSC disse que houve pelo menos 99 incidentes deste tipo, alguns deles envolvendo queimaduras e danos materiais.

"Os consumidores devem parar imediatamente de usar esses produtos e entrar em contato com a empresa para retornar seu patinete e obter um reembolso total (...) ou a substituição gratuita, dependendo do modelo", disse a agência em um comunicado.

O recall abrange patinetes elétricos de dez fabricantes - principalmente a Swagway, que produz um dos modelos mais vendidos -, comprados entre junho de 2015 e maio de 2016.

Os patinetes elétricos, que custam entre US$ 200 e US$ 900 e se movem a uma velocidade de até 20 km/h, foram um presente muito popular no último Natal nos Estados Unidos, apesar dos relatos de incêndios repentinos que começaram a surgir nessa época.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos