Wall Street cai na sessão anterior ao primeiro debate Hillary-Trump

Nova York, 26 Set 2016 (AFP) - Wall Street fechou em baixa nesta segunda-feira antes do primeiro debate entre os candidatos à presidência dos Estados Unidos e sob o impacto de preocupações pelo Deutsche Bank.

As ações do banco alemão negociadas em Nova York caíram 7,1% depois da notícia de que Berlim se recusou a oferecer fundos à instituição bancária para fortalecer seu capital.

As ações do banco alemão afetaram as entidades americanas: o Bank of America e Goldman Sachs caíram 2,0% cada um.

O mercado também esteve inquieto por conta do debate desta noite entre o candidato republicano à Casa Branca Donald Trump e sua rival democrata Hillary Clinton, disse Peter Cardillo, economista-chefe do First Standard Financial.

"O mercado está começando a alertar que para (Hillary) Clinton pode não ser fácil ganhar", disse Cardillo. "Normalmente a vitória de um republicano seria boa para o mercado de ações, mas Trump pode criar muita incerteza", acrescentou.

O índice Dow Jones caiu 0,91%, a 18.094,83 unidades, e o Nasdaq recuou 0,91%, a 5.257,49 unidades, segundo os dados definitivos. O índice ampliado S&P 500 caiu 0,86%, a 2.146,10 unidades.

O mercado de títulos subiu. O rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos caiu para 1,581%, de 1,619% na sexta-feira, e o dos papéis a 30 anos era de 2,318% contra 2,345%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos