Bolsas

Câmbio

Wall Street cai com a incerteza eleitoral dos EUA

Nova York, 4 Nov 2016 (AFP) - Wall Street fechou em queda nesta sexta-feira com investidores ansiosos pelas eleições presidenciais dos Estados Unidos, que acontecerão na terça-feira.

O nervosismo pela acirrada disputa entre Hillary Clinton e Donald Trump para a Casa Branca eclipsou os dados relativamente bons sobre a saúde do mercado de trabalho dos Estados Unidos conhecidos nesta sexta-feira.

O departamento do Trabalho anunciou nesta sexta-feira que o índice de desemprego retrocedeu um décimo, a 4,9%, e a criação de emprego foi de 161.000 em outubro, em dados corrigidos, contra 191.000 em setembro (cifra revisada em alta).

Apesar disso, o índice industrial Dow Jones caiu 0,24%, a 17.888,28 unidades, o tecnológico Nasdaq também caiu 0,24%, a 5.046,37 unidades, e o S&P 500 recuou 0,17%, a 2.085,18 unidades.

A incerteza sobre o resultado das eleições se impôs nos mercados depois que o FBI decidiu reabrir uma investigação sobre os e-mails da candidata democrata Hillary Clinton.

"À medida que a diferença nas pesquisas se reduz, os mercados caem porque os investidores querem estar protegidos contra uma possível vitória de Trump", disse Michael James, da Wedbush Securities.

O mercado de títulos subiu. Às 20H40 GMT (17H40 horário de Brasília), o rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos caiu para 1,778% contra 1,808% de quinta-feira e o dos bônus a 30 anos caiu para 2,563% de 2,597% da sessão anterior.

dg/pmh/gm /jb/cc

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos