Exportações chinesas registram queda de 7,3% em outubro

Pequim, 8 Nov 2016 (AFP) - As exportações da China registraram forte queda de 7,3% em outubro, em ritmo anual, acentuando a baixa de setembro, uma consequência da desaceleração da demanda internacional.

Em outubro, o valor das exportações do país, uma das grandes potências comerciais do mundo, caiu a 178,2 bilhões de dólares, depois de registrar uma contração de 10% em setembro, reflexo da conjuntura internacional precária.

Analistas entrevistados pela agência Bloomberg projetavam uma queda mais moderada, de 6%.

As importações registraram contração de 1,4% a ritmo anual, a 129,1 bilhões de dólares, uma redução que também surpreendeu os analistas e evidencia a precariedade da demanda interna, em particular pela desaceleração da atividade fabril.

O comércio externo é um dos pilares do PIB da China e um motor tradicional de seu crescimento.

Os números decepcionantes se unem ao quadro lento do conjunto da economia chinesa.

O superávit comercial em outubro foi de 49,1 bilhões de dólares, o que reflete uma contração a ritmo anual, mas é melhor que os US$ 42 bilhões registrados em setembro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos