Bolsas

Câmbio

Atualização do smartphone Pixel mostra investimento da Google em hardware

San Francisco, 4 Out 2017 (AFP) - A Google revelou, nesta quarta-feira (4), novas versões de seu smartphone Pixel, bem como diversos modelos dos alto-falantes inteligentes Home, confirmando sua intenção de concorrer diretamente com Apple e Amazon.

O software e a inteligência artificial eram os principais assuntos no lançamento desta gama de novos aparelhos.

O novo Pixel 2 e o maior Pixel 2 XL são os primeiros smartphones lançados pela Google desde que a gigante da Califórnia anunciou a aquisição de segmentos-chave do grupo de eletrônicos baseado em Taiwan HTC.

Os novos smartphones estarão disponíveis em pré-venda a partir desta quarta em seis países, com preços entre 649 dólares e 849 dólares.

Os smartphones com corpo de alumínio, bem como os alto-falantes inteligentes remodelados e os novos laptops lançados, miram no uso da inteligência artificial do Google Assistante - rival de Alexa, da Amazon, e Cortana, da Microsoft - para torná-los mais amigáveis ao usuário.

O vice-presidente da Google Rick Osterloh disse que os novos aparelhos "são fáceis de usar e antecipam suas necessidades". "Você interage naturalmente com seus aparelhos, com a voz ou pelo toque".

Com a equipe de engenheiros da HTC, a Google visa repetir o sucesso dos iPhones da Apple controlando hardware e software - técnica usada pela concorrente.

A nova câmera tem apenas uma lente, mas visa melhorar as imagens com "fotografia computadorizada", uma ferramenta de inteligência artificial que pode aprimorar as fotos.

A Google também apresentou um novo modelo - menor e mais barato - de seu alto-falante inteligente Google Home.

O novo aparelho está disponível em pré-venda em sete países e chegará às lojas em 19 de outubro, disse a empresa.

Seu preço equivale à metade do Google Home tradicional, o tornando o aparelho "mais acessível para mais gente", explicou Isabelle Olsson, responsável pelo design dos aparelhos da empresa.

A minicâmera Google Clips - uma das surpresas do evento - "busca sorrisos e momentos, porque o software está na câmera", explicou o gerente de produto da Google Juston Payne.

"É como ter meu próprio fotógrafo registrando e escolhendo meus melhores momentos para mim", disse Payne, sobre o aparelho de 249 dólares.

O novo laptop Pixelbook usa o sistema operacional Chrome e deve competir com o Microsoft Surface e o Apple iPad Pro.

O PC que pode ser usado como tablet vai custar a partir de 999 dólares nos Estados Unidos.

gc-rl/ll/mvv

GOOGLE

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos