Bolsas

Câmbio

Bolsa de Madri recua 3% e fica abaixo de 10.000 pontos com tensão na Catalunha

Madri, 4 Out 2017 (AFP) - O principal índice da Bolsa de Madri, o Ibex-35, recuou, nesta quarta-feira (4), mais de 3% e ficou abaixo dos 10.000 pontos diante da incerteza criada pelo referendo separatista da Catalunha.

As ações dos dois grandes bancos catalães foram particularmente afetadas: CaixaBank e Banco de Sabadell perderam, respectivamente, 5,56% e 5,36%, enquanto os papéis do Santander, o principal banco espanhol, tiveram queda de 4%.

Nesta segunda-feira, dia seguinte ao referendo de independência proibido, os valores bancários já sofreram fortes baixas, mas se recuperaram na terça.

O "Cercle d'Economia", Círculo da Economia, uma importante organização patronal catalã, compartilhou em um comunicado sua "preocupação máxima diante da possibilidade de uma declaração unilateral de independência".

"Esta declaração colocaria o país em uma situação extraordinariamente complexa e de consequências desconhecidas, mas, em qualquer caso, muito graves", alertou a organização que reúne diversos grandes empresários, como os presidentes de CaixaBank e Banco de Sabadell e da perfumaria Puig, proprietária de Nina Ricci e Jean-Paul Gaultier.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos