Bolsas

Câmbio

'Nova era' na energia solar alimenta crescimento de renováveis (AIE)

Paris, 5 Out 2017 (AFP) - O setor de energias renováveis está crescendo mais rápido do que o esperado, impulsionado em grande parte por uma "nova era" na energia solar e uma forte expansão na China, informou a Agência Internacional de Energia (AIE) nesta quarta-feira.

"O que estamos testemunhando é o nascimento de uma nova era em energia solar fotovoltaica", disse o diretor-executivo da AIE, Fatih Birol, em um novo relatório.

"Nós esperamos que o crescimento da capacidade da energia solar fotovoltaica será maior do que o de qualquer outra tecnologia renovável até 2022".

A AIE calculou que a capacidade da nova energia solar fotovoltaica aumentou 50% no ano passado, sendo a China responsável por quase metade da expansão global.

"Pela primeira vez, as adições de energia solar aumentaram mais rapidamente do que qualquer outro combustível, superando o crescimento líquido no carvão", disse a agência.

Impulsionadas por essa expansão no setor solar, "as energias renováveis continuarão tendo um forte crescimento nos próximos anos. Até 2022, a capacidade de energias renováveis deve aumentar em 43%", afirmou o relatório.

As energias renováveis representaram quase dois terços da nova capacidade de energia líquida em todo o mundo no ano passado, calculou a AIE.

"Vemos as energias renováveis crescendo cerca de 1.000 GW (gigawatt) até 2022, o que equivale a cerca de metade da capacidade global atual em energia de carvão", disse Birol.

A revisão em alta da previsão de crescimento da AIE para as energias renováveis foi atribuída em grande parte à nova capacidade solar que está sendo adicionada na China e na Índia.

"Três países - China, Índia e Estados Unidos - representarão dois terços da expansão global de renováveis em 2022", afirmou a AIE.

Em 2022, as energias renováveis representariam 30% da geração de energia, em comparação com 24% em 2016.

A China continua sendo o líder na expansão da capacidade de energias renováveis ao longo do período de previsão, com mais de 40% da capacidade total global.

"O crescimento das energias renováveis da China é em grande parte impulsionado por preocupações com a poluição do ar", afirmou a AIE.

E, apesar das incertezas políticas no nível federal, os Estados Unidos continuaram sendo o mercado com o segundo maior crescimento das energias renováveis, afirmou a AIE.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos