Petróleo sobe por possível extensão de redução da oferta

Nova York, 13 Nov 2017 (AFP) - O petróleo fechou em alta nesta segunda-feira (13), em Nova York, estimulado por comentários favoráveis à extensão da redução de oferta iniciada em janeiro e previsa para acabar em março.

O barril de light sweet crude (WTI) avançou 2 centavos, a 56,76 dólares, no New York Mercantile Exchange.

"O mercado antecipa plenamente uma prorrogação do acordo de redução (da produção) de petróleo", disse Bill O'Grady, da Confluence Investment.

Os Emirados Árabes Unidos defenderam a extensão do acordo, que envolve os países da Opep e outros grandes produtores, entre eles, a Rússia.

"Acho que vão continuar fazendo o necessário" para reequilibrar o mercado, disse o ministro de Petróleo dos Emirados, Suheil al-Mazrouei. Ele afirmou que "não ouviu falar de uma 'não prorrogação'".

O tema será abordado na reunião da Opep em Viena em 30 de novembro.

Além disso, a própria Opep revisou para baixo as previsões de aumento da produção.

"A demanda aumenta, as previsões de produção caem, os mercados observam. Mas o aumento (de preços) é leve, o que significa que o mercado continua sendo cauteloso", disse Robert Yawger, da Mizuho Securities.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos