Bolsas

Câmbio

EUA adverte para malware norte-coreano

Washington, 15 Nov 2017 (AFP) - As autoridades dos Estados Unidos advertiram nesta terça-feira que um malware desenvolvido pela Coreia do Norte segue infectando redes informáticas, permitindo o acesso a organizações governamentais, financeiras e até a meios de comunicação.

O departamento de Segurança Interna emitiu um alerta sobre atividades ocultas do grupo de hackers "Hidden Cobra", também conhecido como "Lazarus".

No início deste ano, as autoridades americanas acusaram o mesmo grupo pela série de ataques de 2009, afirmando que estava vinculado ao governo de Pyongyang.

No alerta desta terça-feira, a Equipe de Resposta de Emergência Informática do departamento (CERT) disse que hackers podem ter permanecido nas redes de suas vítimas para obter "uma maior exploração".

O relatório assinala que algumas redes podem estar infectadas com o malware Volgmer ou com uma ferramenta de administração remota conhecida como Fallchill, que pode dar aos hackers controle total de um sistema.

Segundo a CERT, agentes do FBI suspeitam que Fallchill é usada desde 2016 e Volgmer, desde 2013.

Especialistas em segurança relacionam o Hidden Cobra como o grupo de hackers ligado à Coreia do Norte que participou de uma série de roubos contra bancos, em todo o mundo.

As autoridades do departamento de Segurança Interna e o FBI avaliaram que o grupo "continuará usando operações cibernéticas para avançar nos objetivos estratégicos e militares do governo" norte-coreano.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos