Grupo de luxo francês LVMH adquire vinícola da Califórnia

Paris, 21 Nov 2017 (AFP) - O grupo de luxo francês LVMH anunciou, nesta terça-feira (21), a aquisição da luxuosa vinícola de Colgin Cellars, em Napa Valley, na Califórnia.

Os donos atuais, Ann Colgin e seu marido Joe Wender, vão vender uma parcela de 60% ao maior grupo de luxo do mundo, LVMH, que tem entre suas marcas de bebidas alcoólicas o champanhe Veuve Clicquot e o conhaque Hennessy.

O acordo estipula o valor do propriedade em 100 milhões de euros, disse uma fonte próxima à negociação, enquanto Colgin e Wender vão manter seus papéis de liderança.

Colgin, uma ex-consultora em vinhos da casa de leilões Sotheby's, fundou a vinícola em 1992. Seus quatro vinhos tintos, vendidos por até 600 dólares a garrafa, são oferecidos em lojas e restaurantes de luxo pelo mundo.

O CEO da LVMH, Bernard Arnault, comemorou o anúncio, acrescentando que a aquisição faz parte de uma estratégia para "enriquecer nossa coleção de vinhos icônicos".

pan-asm/kjl/cb/dcr/ll

LVMH - MOET HENNESSY LOUIS VUITTON

SOTHEBY'S

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos