ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Wall Street fecha em baixa após adoção da reforma fiscal nos EUA

20/12/2017 21h16

Nova York, 20 dez 2017 (AFP) - Wall Street fechou em leve baixa nesta quarta-feira, com o arrefecimento da euforia causada pela adoção da reforma fiscal pelo Congresso prometida pelo presidente Donald Trump.

O índice industrial Dow Jones recuou 0,11%, a 24.726 unidades, e o tecnológico Nasdaq caiu 0,04%, a 6.960,96 unidades. O S&P 500 teve baixa de 0,08%, a 2.679,25 unidades.

A perspectiva de aprovação da reforma fiscal no Congresso tinha levado os indicadores econômicos a fortes altas nas últimas semanas. Mas, uma vez aprovada, a euforia inicial se acalmou.

Além disso, "muitos economistas preveem que a reforma não estimulará tanto o crescimento como se dizia", destacou Karl Haeling, da LBBW.

Na verdade, deve "melhorar os lucros das empresas, que poderão iniciar ou retomar programas de compras de ações, ou aumentar seus dividendos", acrescentou.

Como a lei foi adotada muito rapidamente, "é possível que se descubra com o passar do tempo consequências a princípio inesperadas", destacou o analista.

"Falta só uma semana para o fim do ano e, sem dúvidas, os índices vão permanecer nos mesmos níveis que agora, à espera de que os resultados sejam sentidos no novo ano", disse Phil Davis, da PSW Investments.

O mercado de títulos caiu. O rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos subiu a 2,496%, contra 2,264% na terça-feira, e o dos bônus a 30 anos a 2,878%, contra 2,820% do fechamento anterior.

Mais Economia