ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Biblioteca do Congresso dos EUA renuncia a arquivar todos os tuítes

27/12/2017 17h45

Washington, 27 dez 2017 (AFP) - A biblioteca do Congresso dos Estados Unidos, que funciona como arquivo nacional, renunciou ao seu projeto de salvaguardar todas as mensagens da rede social Twitter, relançando o debate sobre a conservação dos documentos procedentes da internet.

A maior biblioteca do mundo, cuja missão é preservar os documentos de importância para a história dos Estados Unidos, anunciou nesta quarta-feira (27) que deixará de arquivar a totalidade de tuítes a partir de 1 de janeiro.

"A partir de 1 de janeiro de 2018, a biblioteca conservará os tuítes sobre uma base de seleção similar à que aplicamos para os websites", indicou Gayle Osterberg, diretora de comunicação da biblioteca em um blog.

"A biblioteca examina regularmente seus métodos de arquivo para ter em conta as mudanças ambientais, a diversidade de coleções e de temas, a rentabilidade e outros fatores. Esta decisão é o resultado de uma dessas revisões", acrescentou.

Em um comunicado separado, a instituição detalhou que a partir de agora as mensagens serão selecionadas a partir de uma base "temática e cronológica, incluindo eventos como as eleições, ou temas de interesse nacional, como as políticas públicas".

Mais Economia