Bolsas

Câmbio

Milhares de judeus rezam pela chuva no Muro das Lamentações

Jerusalém, 28 dez 2017 (AFP) - Mais de dois mil judeus rezaram pela chuva nesta quinta-feira (28) no Muro das Lamentações, na Cidade Antiga de Jerusalém, ante a proximidade de um quarto inverno seco, constatou um jornalista da AFP.

"Uma oração pode ajudar", afirmou na rádio pública o ministro da Agricultura, Uri Ariel, organizador desta cerimônia celebrada na presença de dois grandes rabinos de Israel: David Lau para os asquenazes (judeus originários do leste europeu) e Yitzhak Yosef, para os sefarditas (judeus do Oriente).

O serviço meteorológico israelense informou recentemente que a região viveria novamente um inverno seco e estimou em 65% as chances de precipitação em dezembro, janeiro e fevereiro, os meses supostamente mais chuvosos.

Em março, o nível do lago de Tiberíades, principal reserva de água doce de Israel, atingiu seu nível mais baixo em um século, segundo a Autoridade da Água.

Israel evitou, no entanto, a interrupção do abastecimento, graças a cinco centros de dessalinização da água do mar que foram construídos ao longo da costa mediterrânea.

Três quartos da água potável consumidas pelos lares israelenses provêm destas dessalinizadoras.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos