Bolsas

Câmbio

Economia mexicana cresceu 2,3% em 2017

México, 30 Jan 2018 (AFP) - A economia do México, a segunda maior da América Latina, cresceu 2,3% no ano passado em relação a 2016, de acordo com dados preliminares divulgados nesta terça-feira (30) pelo Instituto Nacional de Estatística e Geografia (Inegi).

O valor preliminar está no topo da faixa de crescimento estimada pelo banco central mexicano, que esperava uma expansão de entre 1,8% e 2,3% para 2017.

Os dados finais serão publicados em 23 de fevereiro, segundo o Inegi.

No quarto trimestre do ano passado, o Produto Interno Bruto (PIB) do México aumentou 1%, acrescentou o instituto, mostrando uma recuperação ante o trimestre anterior, quando registrou uma retração de 0,3%.

Por componentes, as atividades primárias cresceram 3,1%, as atividades secundárias - que incluem o setor manufatureiro mexicano - avançaram 0,1% e as atividades terciárias aumentaram 1,2%.

Os dados confirmam a perspectiva de analistas sobre a resistência da economia mexicana, que conseguiu se expandir apesar da incerteza sobre o futuro de sua relação comercial com os Estados Unidos, destino de 80% de suas exportações, e dos terremotos destrutivos que abalaram o país em setembro passado.

O banco central estima que o PIB do México crescerá neste ano entre 2% e 3%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos